Bolsonaro faz a liberação R$ 1,13 bilhão em emendas para a Saúde

09/07/2019 16:21

Recursos beneficiam estados que são habilitados a receber as verbas

Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro liberou recursos para a área a Saúde, com aportes de R$ 1,13 bilhão. As verbas são resultantes de emendas parlamentares, publicadas por meio de 37 portarias no Diário Oficial da União (DOU) da última segunda-feira, 8 de julho. 

Emendas para Saúde

Luiz Henrique Mandetta associou emendas à aprovação da reforma- Foto: Governo de Transição

As portarias publicadas também beneficiam estados que são habilitados a receber as verbas provenientes das emendas parlamentares e que serão usadas como “incremento temporário do Limite Financeiro da Assistência de Média e Alta Complexidade (MAC)”. Somente em julho, o governo atraiu só com emendas R$ 2,5 bilhões de recursos. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, esteve no plenário da Câmara, no início da sessão dessa terça-feira, 9, e disse a um site que as emendas liberadas à Saúde foram frutos de um esforço para a aprovação da Previdência, já Bolsonaro o contradisse, afirmando que a medida é absolutamente normal em uma administração pública.

Atualizada às 11h21



Publicidade