Tutora é multada após cachorro agonizando em depósito de gás ser sacrificado

Animal resgatado em Piumhi não resiste a cinco horas de tratamento intensivo e é sacrificado

Por Plox

09/07/2024 07h25 - Atualizado há 15 dias

Um cachorro foi sacrificado após ser encontrado em condições críticas em um depósito de gás na cidade de Piumhi, na região Sul de Minas Gerais. A tutora do animal recebeu uma multa por negligência.

Denúncia e resgate

A situação foi denunciada à Polícia Militar (PM) na última sexta-feira, 5 de julho, quando um cidadão informou que havia encontrado o animal em maus-tratos. Os policiais entraram em contato com a médica veterinária do Canil Municipal, que tomou conhecimento do caso por meio de redes sociais. A postagem relatava que o cachorro estava deitado ao sol, sem assistência, e visivelmente agonizando.

Estado crítico do animal

Ao chegarem ao local, a equipe do canil constatou que o relato era verdadeiro. O cão estava em um estado severo de desidratação, choque, tremores e perda de consciência. A equipe veterinária realizou diversas medidas para aliviar o sofrimento do animal, mas, após cinco horas de atendimento intensivo, não houve melhora no quadro clínico, que estava evoluindo para uma parada cardiorrespiratória.

Medida necessária e penalidade

Diante da gravidade da situação e da falta de resposta ao tratamento, os veterinários decidiram pelo sacrifício do animal para evitar mais sofrimento. De acordo com o registro policial, a tutora foi multada por não prestar socorro ao animal, em conformidade com um decreto estadual. A ocorrência foi registrada e finalizada na Delegacia de Polícia Civil de Piumhi.

Destaques