Em mais um vexame, Cruzeiro perde nos pênaltis e está eliminado da Copa do Brasil

O Juazeirense venceu o maior campeão da Copa do Brasil e avançou para as oitavas de finais

Por Plox

09/06/2021 21h12 - Atualizado há quase 3 anos

O Cruzeiro foi eliminado pela Juazeirense, nos pênaltis, na noite desta quarta-feira (9), em Juazeiro-BA. A equipe da casa venceu no tempo normal e também superou a Raposa nos pênaltis, eliminando o maior campeão da Copa do Brasil e avançou para as oitavas de finais.

Primeiro Tempo

Com um gramado em condições ruins, Cruzeiro e Juazeirense tiveram muita dificuldade na construção de jogadas de ataque. As principais jogadas de ataque dos donos da casa foram através de lançamentos de longas distâncias. A melhor chance da equipe de Juazeiro-BA foi em um chute de fora da área, que Fábio defendeu.

Foto: Divulgação Cruzeiro

 

O Cruzeiro encontrou dificuldades em articular as jogadas no meio campo. Bruno José foi o atacante que chegou mais perto do gol no ataque cruzeirense.

Segundo Tempo

A segunda etapa começou com as mesmas dificuldades do primeiro tempo. Em cinco minutos, o Cruzeiro teve três chances de abrir o placar. No intuito de pressionar a equipe mineira, o treinador do Juazeirense colocou sua equipe toda para o ataque.

Foto: Divulgação Cruzeiro

 

Em contrapartida, o técnico Felipe Conceição preferiu reforçar o meio-campo e segurar o resultado de 1 a 0 construído no Mineirão. E essa decisão foi fatal para a equipe celeste. Aos 40 minutos, Kanu desvia lançamento, Kesley chega na linha de fundo e cruza para trás. Na pequena área, Thauan solta a pancada para estufar as redes de Fábio, 1 a 0 para os donos da casa e disputas nos pênaltis.

Foto: Divulgação Cruzeiro

 

Pênaltis

O Cruzeiro abriu as cobranças de pênaltis. Rômulo foi o primeiro a bater. Na cobrança, o camisa 27 bateu e o goleiro defendeu. Na cobrança de Kanu, ele conseguiu deslocar Fábio e bater no meio do gol.

Na segunda série, Felipe Augusto bateu e mandou pra fora do gol. A Juazeirense que não tinha nada com isso ampliou com o zagueiro Wendel. 

Na terceira série, Cáceres cobrou bem e fez o primeiro gol do Cruzeiro. Ian manteve a competência dos donos da casa e também.

Na quarta cobrança foi a vez de Adriano, que marcou o segundo gol do Cruzeiro. Guilherme lucena, que já podia acabar com a disputa parou no goleiro Fábio, que defendeu e manteve o Cruzeiro vivo.

Na última série de cobranças, Matheus Barbosa bateu e parou no goleiro. Com isso, a Juazeirense elimina o Cruzeiro e passa para as oitavas de finais da Copa do Brasil.


 

Destaques