Expansão da Marinha em Minas Gerais: Novas instalações e aumento na demanda náutica

A instalação de uma nova delegacia na região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba poderia ampliar ainda mais o acesso a esses serviços vitais para a navegação

Por Plox

10/07/2023 07h27 - Atualizado há cerca de 1 ano

Desde 2018, quando a Capitania Fluvial de Minas Gerais (CFMG) se estabeleceu em Belo Horizonte, a navegação no estado tem passado por um crescimento contínuo. Este cenário fomentou na Marinha brasileira a necessidade de estabelecer uma nova delegacia na região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, uma avaliação corroborada pelo capitão de mar e guerra Leonardo Carvalho de Lucena Navaes, comandante da CFMG.

 

Foto: Reprodução

Embora Minas Gerais não tenha litoral, o estado registrou um aumento expressivo nos serviços de registro de embarcações e condutores gerenciados pela Marinha. Entre 2022 e 2023, houve um aumento diário de 19% na emissão de carteiras de habilitação, um crescimento de 18% na aplicação de exames para amadores, e a quantidade de cadastros de embarcações e inscrições cresceu 7,5% e 3,2%, respectivamente.

Segundo o comandante da CFMG, a instalação de uma nova delegacia na região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba poderia ampliar ainda mais o acesso a esses serviços vitais para a navegação. Atualmente, a CFMG atende diretamente 484 municípios, a delegacia de Pirapora, 206, e a de São José da Barra, 160.

Atuação da Marinha em Minas Gerais e futuros projetos

Na atualidade, as principais missões da Marinha no estado são a fiscalização e o ordenamento do tráfego aquaviário, a segurança do setor e a inspeção para garantir a proteção da vida humana e a prevenção da poluição hídrica causada por embarcações.

A Marinha também tem investido fortemente em Minas Gerais desde a reordenação de suas estruturas, realocando a Capitania Fluvial de Pirapora para Belo Horizonte em 2018 e instalando a delegacia de Furnas em 2020.

Em adição, o comandante da CFMG anunciou a instalação de uma estrutura na Lagoa dos Ingleses, em Nova Lima, e esforços para promover ações sociais para crianças carentes. Ele destacou o Programa Forças no Esporte, que busca levar cidadania e dignidade a crianças por meio de atividades esportivas.

A estratégia da Marinha para Minas Gerais inclui ainda a intenção de que o estado se torne uma porta de entrada para suas fileiras, fomentando o interesse da população local em ingressar na instituição e sediando concursos públicos.

Destaques