Motociclista é perseguido e morto a tiros em Timóteo

Os policiais levantaram a informação que os autores poderiam ser um homem de 30 anos e seu primo. A possível motivação do crime teria sido uma briga que ocorreu entre a esposa da vítima e a esposa do suposto autor no dia anterior

Por Plox

10/07/2023 09h07 - Atualizado há cerca de 1 ano

Um homem de 34 anos. identificado como Mauro Fernandes Santiago, foi morto na madrugada desta segunda-feira (10), vítima de disparos de arma de fogo, no bairro Cachoeira do Vale, em Timóteo, Vale do Aço.

Conforme consta no Boletim de Ocorrência, os militares levantaram a informação que o o rapaz seguia em uma motocicleta e teria sido seguido por um veículo, que durante o trajeto efetuou vários disparos em direção à vítima. Após ser atingido, Mauro caiu ao solo em frente a sua residência.

Os familiares do homem baleado saíram de casa para averiguar o que teria acontecido e depararam-se com o sujeito ferido. A vítima foi socorrida inconsciente por terceiros e encaminhada ao hospital.

Durante o atendimento médico, Mauro não resistiu aos ferimentos e teve seu quadro evoluído para óbito. Ele tinha perfurações por projéteis de arma da fogo nas costas, tórax e braço. Funcionários do hospital entregaram um projétil que foi retirado do corpo da vítima. 

Perícia no local

A perícia foi acionada e compareceu ao local para realizar os trabalhos de praxe, tendo encontrado três projéteis de calibre indefinido, liberando o local em seguida.

Os suspeitos

Após atirarem na vítima, os suspeitos fugiram tomando rumo ignorado. Os familiares de Mauro não conseguiram identificar o carro e nem a placa do veículo.

Os policiais levantaram a informação que os autores poderiam ser um homem de 30 anos e seu primo. A possível motivação do crime teria sido uma briga que ocorreu entre a esposa da vítima e a esposa do suposto autor no dia anterior, momento que os dois homens discutiram, no entanto, não chegaram as vias de fato.

A Polícia Militar segue em diligências para encontrar os suspeitos do homicídio.


 

Destaques