Bebê de 4 meses morre após ser exposta ao calor de 49ºC

A menina estava em um barco com os pais e a irmã mais velha quando, de repente, adoeceu e perdeu a consciência

Por Plox

10/07/2024 13h45 - Atualizado há 15 dias

Uma bebê de quatro meses, Tanna Rae Wroblewski, morreu após ser exposta a temperaturas extremas de 49°C nos Estados Unidos. O caso aconteceu durante a comemoração do feriado de 4 de Julho, enquanto a família passeava em um lago no Arizona, conforme informado pelo jornal americano New York Post.

Os pais, a irmã e a pequena Tanna, de apenas 4 meses - Metrópoles
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Desespero e tentativa de salvamento

A menina estava em um barco com os pais e a irmã mais velha quando, de repente, adoeceu e perdeu a consciência na noite de sexta-feira (5). Em um ato desesperado, os familiares tentaram reanimá-la realizando massagem cardíaca até a chegada do socorro. Os socorristas rapidamente transportaram a bebê de helicóptero para o Centro Médico Regional de Lake Havasu, mas, infelizmente, ela não resistiu.

Reação da mãe nas redes sociais

A mãe de Tanna expressou seu profundo pesar nas redes sociais: “Estamos mais do que devastados, com o coração partido, não há palavras. Eu nunca vou entender porque você teve de nos deixar, você era simplesmente perfeita demais. Eu te amo infinitamente, e vou te procurar em todos os lugares, anjo”.

Causa da morte e onda de calor nos EUA

Embora a causa oficial da morte de Tanna não tenha sido divulgada, as autoridades suspeitam que a doença tenha sido relacionada ao calor extremo. O Serviço Meteorológico Nacional relatou que cerca de 36 milhões de norte-americanos estão sob alerta de calor excessivo devido à intensa onda de calor que atinge várias regiões do país. No sábado (6), uma cidade na Califórnia registrou uma temperatura histórica de 48°C, muito acima do normal para a época.

 

 

 

 

Destaques