Expectativa de criação de 70 mil empregos em Minas Gerais, destaca presidente da Fiemg

Investimentos firmes e crescimento da indústria mineira impulsionam geração de emprego no estado

Por Plox

11/03/2024 09h01 - Atualizado há 3 meses

A Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg) projeta uma onda de otimismo no setor industrial do estado, com a expectativa de criação de até 70 mil novos empregos neste ano. Segundo Flávio Roscoe, presidente da Fiemg, esta previsão positiva é sustentada pelos contínuos investimentos das empresas em Minas Gerais, ancorados tanto nos protocolos de intenções quanto no fortalecimento da própria indústria mineira.

Foto: Arquivo Pessoal

Crescimento e Investimentos

O desempenho da indústria mineira tem sido notavelmente superior ao da média nacional. "A indústria mineira deve continuar crescendo acima da média da indústria nacional este ano. Ano passado, a indústria mineira cresceu 3,5% e a indústria nacional cresceu 1,1%", explicou Roscoe. O presidente da Fiemg destaca ainda que setores como o minero-metalúrgico e a indústria da alimentação serão os principais motores deste crescimento.

Educação e Formação Profissional

O planejamento para a abertura de novas escolas do Sistema Fiemg também está avançando a passos largos. Flávio Roscoe comemora o início das aulas em cinco novas unidades e antecipa que mais cinco a seis escolas devem iniciar suas operações ainda este ano, com expectativas de que mais de 15 escolas entrem em funcionamento no início do próximo ano.

Desde que assumiu a presidência da Fiemg em 2018, Roscoe testemunhou um salto de 70 mil para 215 mil alunos matriculados nas instituições do sistema. Com planos ambiciosos, ele visa alcançar um total de 280 mil alunos até dezembro de 2025, o que representaria quase 1,5% da população de Minas Gerais participando de programas educacionais do Sesi ou do Senai.

A combinação de crescimento industrial, investimentos robustos e uma forte aposta na educação e formação profissional sinaliza um período de vigor econômico e desenvolvimento social para Minas Gerais, conforme delineado pela liderança da Fiemg.

Destaques