Aumento de casos de dengue e chikungunya preocupam Prefeitura de Ipatinga

Dentre as medidas já adotadas em Ipatinga para intensificar o combate ao Aedes aegypti, estão a realização de mutirões de limpeza em áreas críticas, distribuição de material educativo e fiscalização

Por Plox

12/01/2024 14h37 - Atualizado há 5 meses

Nos primeiros dez dias do ano, a cidade de Ipatinga enfrenta um aumento alarmante nos casos de chikungunya e dengue. São 199 e 113 casos confirmados, respectivamente. Durante todo o mês de janeiro de 2023, foram registrados apenas 37 casos de chikungunya e 200 de dengue.

Foto:Divulgação/PMI

O prefeito Gustavo Nunes convocou os gestores a redobrarem os esforços no combate às arboviroses, destacando o momento delicado em relação ao mosquito Aedes aegypti. "Estamos em uma força-tarefa para combater e eliminar os focos", ressaltou.

O secretário de saúde do município, Walisson Medeiros, enfatizou a importância do apoio da população. "A colaboração é fundamental. Ações simples, como eliminar água parada em pratos de plantas, calhas e vasilhas de animais, além da limpeza de lotes e quintais, são essenciais para combater o mosquito", alertou.

Dentre as medidas já adotadas em Ipatinga para intensificar o combate ao Aedes aegypti, estão a realização de mutirões de limpeza em áreas críticas, distribuição de material educativo e fiscalização rigorosa para identificar e eliminar focos do mosquito transmissor.

A Secretaria de Saúde solicita à população que se una a essa mobilização, dedicando alguns minutos semanais para ações preventivas, visando conter a propagação dessas doenças e garantir a saúde da população.

Destaques