Fernando Pimentel é alvo de operação da Policia Federal

12/08/2019 09:20

Publicidade

Na manhã desta segunda-feira (12), a Polícia Federal desencadeou a Operação Monograma contra crimes eleitorais e lavagem de dinheiro, e cumpriu dois mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao ex-governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT).

O advogado de Pimentel classificou como “excesso” o cumprimento dos mandados de busca e apreensão. A Operação é um desdobramento da operação Acrônimo. 

Foto: Agência Brasil1014372-19042016stf-min,nelson-barbosadsc 8086-

Segundo a PF, suspeita-se que o ex-governador seja responsável por delitos eleitorais envolvendo empresas de prestação de serviço para recebimento de vantagens ilícitas no valor aproximado de R$ 3 milhões, além de favorecer uma empresa uruguaia.
 



Publicidade