Brasileiros buscam abrigo em escola de Gaza durante conflito

Grupo de 28 brasileiros, incluindo 15 crianças, manifesta interesse em repatriação após intensificação dos bombardeios.

Por Plox

12/10/2023 09h33 - Atualizado há 9 meses

Em meio aos crescentes bombardeios na Faixa de Gaza, um grupo de 13 brasileiros encontrou refúgio em uma escola católica da região na última quinta-feira (12). Esta informação foi confirmada pelo embaixador do Brasil na Palestina, Alessandro Candeas. Ele também mencionou que a embaixada brasileira está disponibilizando atendimento psicológico virtual para a comunidade afetada pelo conflito.

 

 

 

Foto: Reprodução

Comunicado a Israel e Esforços de Repatriação

As autoridades israelenses foram notificadas sobre a presença dos brasileiros na escola, numa tentativa de prevenir bombardeios diretos no local. Alguns brasileiros optaram por permanecer em suas residências, esperando uma solução que facilite o seu retorno ao Brasil.

Dos brasileiros em Gaza, 28 demonstraram vontade de serem repatriados para longe do centro do conflito. Este número inicialmente era de 30, porém dois desistiram da ideia. Importante ressaltar que deste grupo, 15 são crianças.

 

Negociações Governamentais

O governo do Brasil está em conversas para garantir a saída segura destes brasileiros por meio de um corredor humanitário terrestre até o Egito. Este corredor também serviria para a entrada de suprimentos essenciais, como alimentos e medicamentos. Mauro Vieira, ministro das Relações Exteriores, afirmou que a proposta foi positivamente recebida pelo secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Antonio Guterres, em declaração dada à "GloboNews".

Destaques