Onda de calor atinge recordes no Brasil e preocupa autoridades

Altas temperaturas previstas para várias regiões, com alerta vermelho do Inmet para estados do Centro-Oeste

Por Plox

12/11/2023 09h51 - Atualizado há 8 meses

Alerta de Calor Extremo: O Brasil enfrenta uma onda de calor atípica para novembro, com previsões indicando que os termômetros em diversas regiões podem registrar as temperaturas mais altas do ano neste domingo, 12 de novembro. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta vermelho de grande perigo para o Distrito Federal e estados como São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rondônia, com destaque para a região Centro-Oeste como a mais afetada.

Duração e Impacto: O fenômeno, segundo o Inmet, deverá persistir até pelo menos quarta-feira (15), com temperaturas ficando 5°C acima da média histórica por mais de cinco dias. Além disso, foram emitidos alertas de perigo (laranja) e perigo potencial (amarelo) para baixa umidade em várias partes do país, afetando mais de mil municípios.

Capitais em Alerta: Especificamente, São Paulo, Curitiba e Vitória estão entre as capitais que podem experimentar temperaturas recordes para o ano. São Paulo, por exemplo, tem previsão de atingir 37°C, bem acima da média de 26,9°C para novembro.

Causas da Onda de Calor: De acordo com a meteorologista Deise Moraes, do Inmet, o calor excepcional é explicado por fatores como o El Niño e o aumento global da temperatura. As ondas de calor, geradas por bloqueios atmosféricos, inibem chuvas e intensificam a incidência de raios solares.

Resposta das Autoridades: Em São Paulo, o governo estadual e a prefeitura iniciaram a distribuição de água potável em locais estratégicos para ajudar a população a lidar com o calor extremo e a baixa umidade.

Destaques