Usipa: Cebus lança Programa Pai dos Bichos

12/12/2019 17:46

Iniciativa tem como foca a captação de recursos para ajuda na manutenção do Cebus

Nessa quarta-feira (11), o Centro de Biodiversidade da Usipa (Cebus) lançou, oficialmente o Programa Pai dos Bichos. Uma iniciativa de patrocínio, com oferta de benefícios, em forma de ferramentas de educação ambiental e publicidade para o patrocinador.

Por meio de uma Instrução Normativa do IBAMA, o Cebus é classificado como empreendimento de pessoa jurídica, constituído de coleção de animais silvestres mantidos vivos em cativeiro, ou em semiliberdade, e expostos à visitação pública, para atender a finalidades científicas, conservacionistas, educativas e socioculturais. O Programa Pai dos Bichos é destinado à manutenção dos animais que, por razões diversas, não podem ser devolvidos à natureza e precisam ser mantidos em cativeiro.

“A iniciativa é uma forma de levar às empresas a oportunidade de se tornarem protagonista das ações de manutenção da fauna que as rodeia. Além disso, a publicidade atrelada aos cuidados com animais silvestres e educação ambiental, é extremamente forte”, destacou o responsável técnico pelo Cebus, o médico-veterinário Lélio Costa e Silva.

usipa-2

Cateto, mais conhecido como porco do Mato, quando chegou ao Cebus. Foto: divulgação/Usipa
 

usipa-3

O Cateto, quando foi solto pela equipe do Cebus, com apoio da Polícia Militar Ambiental. Foto: divulgação/Usipa
 

Como o programa funciona

As empresas interessadas em participar do Programa Pai dos Bichos devem entrar em contato com o Cebus para fazer a escolha do animal silvestre ou do recinto do zoológico a ser adotado. De acordo com uma tabela da instituição, a empresa destina um valor mensal para manutenção deste animal.

Veja a entrevista com o Médico-veterinário responsável pelo Cebus Lélio Costa e Silva.

Em contrapartida, a empresa recebe um certificado de adoção do animal do Cebus,  informações trimestrais sobre o animal por meio de boletim eletrônico, tem o logotipo impresso na placa de identificação do animal afixada no recinto e ainda pode trazer grupos de colaboradores, periodicamente, para conhecer o animal adotado e visitar as instalações e atividades do zoológico.

“Nossa expectativa, para além da contribuição financeira, é sensibilizar as empresas e seus respectivos colaboradores, sobre a importância da fauna silvestre para o meio ambiente, sobre os cuidados a serem adotados quando encontrarem um animal silvestre e o despertar sobre a responsabilidade de preservação ambiental ser uma tarefa de todos”, destacou Lélio.

Comunidade também pode participar

A comunidade também poderá contribuir com o Programa Pai dos Bichos, porém de forma diferente. A partir de parcerias com clínicas veterinárias, pet shops e casas de ração, os cidadãos poderão doar qualquer quantidade em dinheiro por meio de caixas coletoras, devidamente identificadas.

pai-dos-bichos

Foto: Divulgação/Usipa/Ana Paula Nogueira
 

O médico-veterinário Rômulo Edgard, parceiro do Cebus em exames e procedimentos mais complexos, foi o primeiro parceiro a aderir ao Pai dos Bichos. Presente ao evento de lançamento, Rômulo recebeu a caixa coletora, panfletos explicativos e se pronunciou sobre a parceria. “Há muitos anos, acompanho a luta do Cebus em benefício dos animais silvestres. Junto com minha equipe, auxílio da melhor forma possível e não poderia deixar de abraçar mais esta importante contribuição”, declarou o profissional.

Interessados em participar do Programa Pai dos Bichos devem entrar em contato com o Cebus pelo telefone (31) 3801-4383 ou pelo email [email protected]