Mais aeroportos passam a cobrar mala de mão dentro dos padrões a partir de hoje

13/05/2019 11:46

O preço da bagagem despachada varia entre R$ 59 e R$ 220 companhias Gol, Latam e Avianca

Publicidade

Mais cinco aeroportos do país começam a cobrar, a partir desta segunda-feira, 13 de maio, as medidas para as bagagens de mão. Os aeroportos que passaram a exigir a padronização a partir de hoje são: terminal de Congonhas, em São Paulo; Galeão e Santos Dumont, ambos no Rio de Janeiro; Santa Genoveva, em Goiânia; e Salgado Filho, em Porto Alegre. As malas que estiverem fora do tamanho padrão não poderão ir na cabine, mas terão que ser despachadas, estando sujeitas a cobranças de taxas.

Esses aeroportos fizeram orientações aos passageiros ontem, para que a cobrança já iniciasse nesta segunda-feira. Esta fase de esclarecimentos está sendo adotada no aeroporto Luis Eduardo Magalhães, em Salvador, e no Internacional de São Paulo, em Guarulhos. A partir de 23 de maio as bagagens estarão sendo obrigatoriamente despachadas nesses terminais. Em diversos aeroportos do país a medida já entrou em vigor.

Medidas da bagagem

As medidas padrão da bagagem de mão são de 55 centímetros de altura x 35 centímetros de largura e 25 centímetros de profundidade. As medidas seguem recomendações da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA). O preço da bagagem despachada varia entre R$ 59 e R$ 220 companhias Gol, Latam e Avianca. A aérea Azul não faz mais parte da Abear desde o começo de maio.

Objetivo

De acordo com a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), o objetivo da ação é agilizar o fluxo dos passageiros nas áreas de embarque, evitando atrasos e promovendo conforto para todos os clientes. A campanha teve início no dia 10 de abril, e a Abear informou que segue as normas definidas por uma resolução da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Diversos aeroportos do país já estão recebendo as orientações e outros estão se adaptando à norma de despacho.

Atualizada às 13h33 



Publicidade