Goleiro Bruno fecha com o time mineiro Poços de Caldas

13/08/2019 21:58

Ele conseguiu passar para o regime semiaberto em julho

Publicidade

Preso por ser o mandante do assassinato da modelo Eliza Samúdio, em 2010, o goleiro Bruno fechou com o clube Poços de Caldas. Ele atuará no time pela terceira divisão do Campeonato Mineiro de 2020. Bruno, que cumpre pena em regime semiaberto desde julho, e segundo a Justiça, ele tem que ficar em casa entre as 20h e as 6h da manhã. 

O juiz Tarciso Moreira de Souza, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), exigiu que ele trabalhasse para que houvesse a progressão de sua pena.

Bruno

Bruno jogará pela terceira divisão do Campeonato Mineiro de 2020- Foto: Divulgação

Há alguns dias, o Poços de Caldas aguçava a curiosidade dos torcedores, por meio da redes sociais: “Nosso trabalho é um trabalho social, dando oportunidade para todos. Em breve, estaremos anunciando uma grande contratação. E de meus agradecimentos a todos”, escreveu. 

Porém, o jogador pode enfrentar um desafio para treinar em Poços de Caldas, pois a cidade fica a mais de 150 quilômetros de Varginha, pois a decisão do juiz exige que Bruno não deixe a comarca de Varginha sem autorização da Justiça. Caso isso ocorra, pode interferir na progressão de pena. Segundo o texto judicial, o jogador "já cumpriu o lapso temporal necessário da pena imposta no regime fechado” e reitera que a “conduta carcerária” dele assegura sua “reinserção à vida social”.

Atualizada às 9h11
 



Publicidade