Caixa desmente boatos de fraude, informa que ganhador é do Pernambuco e apostou R$ 3, 50

14/05/2019 17:47

Os rumores de que o sorteio teria sido fraudulento foi porque a Caixa não tinha divulgado a localidade do ganhador

Publicidade

A Caixa Econômica Federal está tendo que desmentir boatos de que o contemplado com R$ 289 milhões da Mega Sena seria uma fraude da instituição. Os rumores de que o sorteio teria sido fraudulento foi porque a Caixa não tinha divulgado a localidade do ganhador. O sorteio foi realizado no último sábado, 11 de maio, e pagou a premiação acumulada a uma aposta de Pernambuco, que fez um jogo no valor mínimo de R$ 3,50. 

Mega Sena- Foto: Agência Brasil

Apostador levou sozinho quase R$ 290 milhões- Foto: Agência Brasil

Nesta terça-feira, 14, o órgão divulgou uma nota, ressaltando que preza pelo sigilo e segurança do contemplado e destacando ainda que "reforça a responsabilidade, segurança e transparência com que vem administrando as Loterias Federais do Brasil há 58 anos, tendo por objetivo maior garantir os repasses sociais que beneficiam toda a sociedade brasileira, além de distribuir prêmios". 

A Caixa explicou sobre o equipamento usado no sorteio e citou as certificações que comprovam a autenticidade das informações de todo o processo de sorteio. "A Caixa ressalta que as certificações ISO 27001 e WLA-SCS.2012 comprovam que o banco utiliza-se das melhores práticas do mundo em segurança da informação, assegurando a disponibilidade, integridade, confidencialidade e autenticidade das informações nos processos de administração das Loterias Federais”.

O valor deste sorteio é um dos maiores pagos pela Caixa. Só ficou atrás da Mega da Virada em 2017, que chegou a R$ 306,7 milhões, e em 2018, que deu uma bolada de R$ 302,5 milhões. Para o próximo sorteio, que será realizado pela Loteria Federal na quarta-feira, 15 de maio, a estimativa para o valor do prêmio será de R$ 3 milhões.

Atualizada às  8h47

 

 



Publicidade