Vídeo de detento acusado de homicídio circula na internet e provoca indignação

Welbert Souza Fagundes, preso por assassinar um PM, é filmado dentro de presídio em Minas Gerais

Por Plox

14/05/2024 10h18 - Atualizado há 7 dias

Welbert Souza Fagundes, de 25 anos, foi capturado nas lentes de uma câmera enquanto desfrutava de um momento de lazer dentro do presídio Nelson Hungria, localizado na cidade de Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte. Na filmagem que circulou nas redes sociais, o preso aparece fumando e ouvindo pagode, o que gerou uma ampla repercussão. A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp) comunicou que realizará uma inspeção minuciosa na instalação prisional como resposta às imagens divulgadas.

Sargento Roger Dias Foto: Reprodução/Redes Sociais

Reação política ao incidente
A divulgação do vídeo causou protestos, especialmente por parte do deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG), que expressou sua indignação nas redes sociais. "Esse homem matou o Sgt. Dias e simplesmente está na cadeia ouvindo pagode e fumando. Sinceramente… não vou comentar porque é capaz da esquerda achar meu comentário pior do que o criminoso," declarou o parlamentar, referindo-se ao detento e à situação perturbadora revelada pelo vídeo.

Contexto do crime
O crime que levou Fagundes à prisão ocorreu durante uma saída temporária de final de ano, concedida pela Justiça. Ele é acusado de assassinar o sargento Roger Dias da Cunha, da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), após uma perseguição no bairro Novo Aarão Reis em Belo Horizonte. O sargento, que tinha 29 anos, foi baleado na noite de 5 de janeiro e teve sua morte cerebral confirmada dois dias depois. Apesar de ter sido autorizado a sair temporariamente do presídio, Fagundes não retornou na data estipulada, 4 de janeiro, descumprindo a ordem judicial.

 

 


 

Destaques