ANS interrompe a venda de 51 planos de saúde a partir desta sexta-feira

14/06/2019 10:41

A interrupção da venda de planos é baseado em um programa que avalia a cada três meses os planos

Publicidade

Até que haja a comprovação de que foram feitas melhorias no atendimento aos usuários, 51 planos de saúde não poderão vender seus serviços ou receber novos clientes, a partir desta sexta-feira, 14 de junho. A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) fez a determinação para que 11 operadoras de planos se adequem. 

Planos

Foto: Pixabay


A interrupção da venda de planos é baseado em um programa que avalia a cada três meses os planos, considerando as queixas de clientes em relação a diversos pontos, como a carência, cobertura dos planos, reembolso, prazo para ele ser atendido etc. O órgão regulador havia suspendido 27 planos de 10 empresas, por terem sido mal avaliados anteriormente, no entanto, essas operadoras promoveram eficiência no atendimento, e a partir desta sexta-feira, receberam a autorização para comercializar seus serviços.


De acordo com a agência, os clientes dos planos que tiveram a proibição não sofrerão com a regra, já que as operadoras continuam a fazer o atendimento normalmente. Juntas, essas 11 operadoras atendem aproximadamente um  total de 600 mil clientes. Saiba quais planos estão com a interrupção nas vendas no portal da ANS, em: www.ans.gov.br

Atualização 11h58



Publicidade