Morre de pneumonia Hermes Pardini, que fundou laboratório com seu nome

14/08/2019 11:28

O médico era casado com Carmen e tinha três filhos, Victor, Regina e Áurea

Publicidade

Morreu o médico Hermes Pardini, que fundou o laboratório que leva seu nome, nessa terça-feira, 13 de agosto, devido a complicações causadas por uma pneumonia. Ele estava hospitalizado no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte. Ele será enterrado às 16h, na capital mineira.

O médico era casado com Carmen e tinha três filhos, Victor, Regina e Áurea. Hermes se afastou das atividades em 2006, atuando como presidente do Conselho da Família. Em 2018, a empresa firmou acordo com Siemens Healthineers para amplificar a capacidade do laboratório, tornando-o o maior automatizado do mundo. 

(foto: Eugênio Sávio/Divulgação - 07/05/2009)

Hermes Pardini morreu na terça-feira, 13 de agosto- Foto: Divulgação

O laboratório foi fundado por ele em 1959, e iniciou pequeno, no centro de BH. São 120 unidades distribuídas em diversas cidades de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro, que atendem em todo o território nacional, por meio de parceiros. 

Hermes dava aulas na mesma época na Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Começou a ampliação da rede, com a construção da sede em 1975, sendo inaugurada três anos depois. Foram implantados os serviços de anatomia patológica e de diagnóstico por imagem em 1994, e de genética Humana quatro anos depois. 

Atualizada às 12h14



Publicidade