Tempestades intensas previstas para 176 municípios de Minas Gerais

Alerta é válido até as 10h de terça-feira (15 de agosto) e afetas cidades das regiões do Triângulo, Alto Paranaíba, Campo das Vertentes e Sul de Minas

Por Plox

14/08/2023 13h55 - Atualizado há 10 meses

A população de Minas Gerais está em estado de alerta. Uma previsão, divulgada nesta segunda-feira (14 de agosto) pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), indicou a possibilidade de tempestades em 176 municípios do estado. O alerta engloba as regiões do Triângulo, Alto Paranaíba, Campo das Vertentes e Sul de Minas e permanecerá ativo até as 10h da próxima terça-feira (15 de agosto).

 

Reprodução internet

Detalhes da previsão: Intensidade e consequências

De acordo com o Inmet, as chuvas esperadas nestas regiões podem variar entre 20 e 33 mm por hora. Adicionalmente, ventos com velocidade de 40 a 60 km/h e quedas de granizo também são previstos. Estes fenômenos podem resultar em cortes de energia elétrica, estragos em plantações, queda de galhos de árvores e alagamentos.

Recomendações de segurança aos cidadãos

O Inmet ofereceu algumas orientações de segurança para os residentes destas localidades. Entre as sugestões, destaca-se a recomendação para evitar abrigar-se sob árvores durante rajadas de vento, em função do risco de queda e descargas elétricas. Ainda, sugere-se que veículos não sejam estacionados próximos a torres de transmissão ou placas publicitárias. Adicionalmente, a orientação é para que aparelhos eletrônicos não sejam utilizados enquanto estiverem conectados à tomada, evitando riscos de choque elétrico durante tempestades.

Em situações de emergência, os moradores são aconselhados a acionar a Defesa Civil (telefone 199) ou o Corpo de Bombeiros (número 193).

Lista de municípios afetados

O alerta emitido pelo Inmet abrange uma vasta lista de municípios, incluindo, mas não se limitando a: Água Comprida, Alfenas, Araguari, Araxá, Bom Repouso, Brazópolis, Borda da Mata, Capinópolis, Capitólio, Carvalhópolis, Coqueiral, Formiga, Guapé, Itajubá, Lambari, Machado, Monte Carmelo, Nepomuceno, Nova Ponte, Ouro Fino, Pains, Patrocínio, Poço Fundo, Prata, Romaria, São José da Barra, Uberaba, Uberlândia e Varginha. Para obter a lista completa, é recomendado consultar diretamente a fonte oficial.

Destaques