Ipatinga

bichos

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Vídeo mostra animais fugindo de incêndio que atingiu 80 hectares no Morro da Usipa

    Policiais militares de Meio Ambiente tentam resgatar os animais, mas sem sucesso até o momento

    Por Plox

    14/09/2021 15h01 - Atualizado há 6 dias

    Nesta manhã de terça-feira (14), Policiais Militares de Meio Ambiente do Vale do Aço tentam resgatar animais que perderam seu lar e tentam fugir das chamas. O Corpo de Bombeiros ainda estão no combate e rescaldo do incêndio que atingiu a área próximo à Usipa, em Ipatinga, Minas Gerais.

    Segundo informações divulgadas pelo tenente Moura, da Polícia Militar Ambiental, até o momento foram comprometidos 80 hectares de mata de uma reserva da Usiminas. A área fica próximo ao local conhecido como Morro da Usipa, no bairro Horto. Os militares vão esperar o rescaldo por parte dos bombeiros para finalizar as análises.

    Área afetada pelo incêndio. (Foto: Divulgação PMMA)

     

    Durante os trabalhos no local, foi possível flagrar animais desnorteados tentando escapar da área incendiada. O vídeo foi registrado por um policial que trabalha no local. Como este, várias espécies ficaram sem lar e tiveram que fugir, podendo até mesmo sair na rua correndo risco de atropelamento. Ainda de acordo com os policiais, até o momento não foi possível resgatar nenhum animal.

    Veja o vídeo:

     

    Suspeito de provocar o incêndio foi preso

    Conforme apurou a reportagem do Plox no local junto ao tenente Moura, da Polícia Militar do Meio Ambiente, o suspeito é catador de recicláveis e estaria manuseando os objetos e utilizando fogo para retirar fios de cobre. Em um dado momento, as chamas saíram do controle e o fogo se espalhou.

    Suspeito preso pela polícia. (Foto: Divulgação PMMA)

     

     

    O policial contou ao Plox que, ao chegar no local, encontrou o indivíduo e começou a interrogá-lo. Ele explicou o que aconteceu e recebeu voz de prisão. O homem será enquadrado pelos crimes de dano em área privada e incêndio florestal. Ele pode ser condenado a uma pena de até 5 anos de reclusão.

    Populares ficaram impressionados com a fumaça

    Próximo ao local, em especial o bairro Horto, várias pessoas pararam nas ruas impressionadas com a quantidade de fumaça. “O que que tá acontecendo alí?”, perguntou uma pedestre. Contudo, até mesmo de alguns bairros de Coronel Fabriciano foi possível observar a fumaça. 


     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]