Abatedouro de porcos em área insalubre é interditado em Minas

Estabelecimento não tinha registro e atuava sem respeito a critérios sanitários

Por Plox

14/10/2021 15h10 - Atualizado há mais de 2 anos

Um abatedouro clandestino de porcos foi interditado em Catas Altas da Noruega, na região Central de Minas Gerais, nessa quarta-feira (13). No local, animais eram armazenados de forma irregular e ossadas eram queimadas sem autorização.

A fiscalização foi realizada pelo Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), com o apoio da Polícia Militar. Segundo a PM, os cortes suínos eram guardados sem respeito a critérios sanitários, dentro de três refrigeradores.

Abatedouro foi multado em R$ 2.958. Foto: reprodução/ Pixabay

 

Além disso, ossadas e vísceras eram incineradas a céu aberto, sem que o estabelecimento tivesse parecer do órgão competente para essa atuação. Não foi encontrada câmara fria para a preparação do animal.

À polícia e aos fiscais, o responsável pelo estabelecimento declarou que os cortes eram vendidos para moradores da região. Ele também afirmou que as ossadas e vísceras eram recolhidas por um caminhão.

No entanto, os agentes constataram que havia queima de resíduos sólidos a céu aberto no local. Devido à falta de registro e de critérios sanitários, e em razão da queima irregular, o abatedouro foi interditado e multado em R$ 2.958.

Destaques