Auditoria revela mais um tanque contaminado em cervejaria mineira

15/01/2020 16:24

Mais um tanque da cervejaria Backer, responsável pela produção da cerveja Belorizontina, está contaminado com dietilenoglicol, diz Tv

Publicidade

Nesta quarta-feira (15), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que está realizando uma auditoria na cervejaria Backer, devido aos casos de contaminação nos produtos produzidos que vem causando graves problemas de saúde nos consumidores, constatou que mais um tanque da cervejaria está contaminado com dietilenoglicol. A informação foi dada pela “TV Globo”. 
 
Os profissionais do Mapa estão realizando perícias na fábrica da cervejaria responsável pela cerveja Belorizontina (ou Capixaba, como é comercializada no Espírito Santo) desde quinta-feira (9). 

74680612 2558517140896029 2299665179794735104 o Foto: Reprodução/Facebook

 

Segundo informações, devido a descoberta de outro tanque contaminado, as suspeitas deixam de ser somente sobre a contaminação no estágio onde o produto específico passa e sim, começam a cair sobre estágios anteriores, nos quais todos os produtos da Backer passam. 
 
O Mapa solicitou o recall e suspensão de vendas de todos os produtos produzidos pela cervejaria. 



Publicidade