Vencimento da segunda parcela do IPVA 2024 em Minas Gerais se aproxima

Contribuintes mineiros devem se preparar para o pagamento; governo espera arrecadar R$ 10,6 bilhões

Por Plox

15/02/2024 09h14 - Atualizado há cerca de 2 meses

A segunda parcela do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2024 para veículos registrados em Minas Gerais está programada para começar a vencer na próxima semana, especificamente na segunda-feira, dia 19, para aqueles com placas terminadas em 1 e 2. A agenda estabelecida estende-se até março, abrangendo todas as faixas de final de placa.

 Foto: Gil Leonardi/Imprensa MG/Divulgação

Expectativa de Arrecadação

O governo estadual tem como expectativa uma arrecadação de R$ 10,6 bilhões com o IPVA deste ano, o que representa um acréscimo de R$ 500 milhões em relação ao montante coletado em 2023. Este aumento na arrecadação é visto como um indicador positivo para as finanças públicas do estado.

Orientações para Pagamento

Os proprietários de veículos podem verificar o valor devido do IPVA por meio do número do Renavam, acessando o site da Secretaria de Fazenda de Minas Gerais ou ligando para o LigMinas pelo número 155, serviço disponível para todo o estado. O pagamento pode ser realizado nos terminais de autoatendimento ou guichês de bancos e instituições financeiras autorizadas, como Bradesco, Sicoob, Mercantil do Brasil, Caixa Econômica Federal, Casas Lotéricas, Mais BB e Santander, simplesmente fornecendo o número do Renavam do veículo. Além disso, os contribuintes têm a opção de pagar via PIX, gerando um QR Code através do site oficial da Fazenda.

Taxa de Licenciamento

Junto ao IPVA, os proprietários de veículos não devem esquecer da Taxa de Renovação do Licenciamento Anual do Veículo (TRLAV), cujo valor para o ano corrente é de R$ 39,36. O prazo para o pagamento desta taxa é até o dia 31 de março de 2024, sem distinção de final de placa. O procedimento para o pagamento é semelhante ao do IPVA, podendo ser efetuado via PIX ou nos pontos de atendimento dos bancos e agentes arrecadadores, utilizando o número do Renavam

Destaques