publicidade



Dois mil médicos cubanos continuam no País e sobrevivem de bicos

15/04/2019

Mesmo com a formação na área de saúde, eles viraram motoristas de app, ambulantes, vigilantes e faxineiros

publicidade

Eles chegaram para trabalhar como médicos e agora são motoristas, ambulantes, faxineiros, criadores de peixes ornamentais e pedreiros. Desde o fim do ano passado, quando o governo cubano rompeu o acordo de cooperação com o Brasil em uma reação a críticas do então presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), um grupo de 2 mil profissionais do Mais Médicosdecidiu ficar, diante da promessa de que não ficariam desamparados. Mas até agora não há perspectiva de que eles voltem a exercer a Medicina.




Na web, candidato ao Mister Brasil sofre ataques racistas e homofóbicos

23/04/2019

Candidato ao Mister Brasil e casado com o prefeito de Lins (SP), Max Souza, de 24 anos, tem sofrido ataques nas redes sociais.

publicidade

Candidato ao Mister Brasil e casado com o prefeito de Lins (SP), Max Souza, de 24 anos, tem sofrido ataques nas redes sociais.

O paulista precisou lidar com ataques na internet e desabafou: “Tive muitos comentários positivos, me parabenizando com a vitória e sou grato por isso. Mas, infelizmente, um deles foi muito ofensivo, um comentário cheio de ódio, cheio de preconceito apenas por causa da minha cor”.

Foto reprodução
O casal Wagner e Max. Foto: reprodução


“Deveria voltar para a senzala” e “viadinho” foram alguns dos ataques que o candidato sofreu. Decidindo, assim, processar um dos internautas. “Isso é inadmissível, mas, como fala meu companheiro, melhor guardar apenas o que de bom falam”, disse.

Max  SouzaFoto: divulgação


Morre um dos jovens atacados pelo ex-padrasto que incendiou casa

23/04/2019

A mãe e os dois filhos foram rendidos em casa pelo assassino armado, que começou a atirar e depois incendiou o imóvel.

publicidade

(foto: Facebook/Reprodução)Paulo Henrique Seabra Anísio, de 24 anos, foi uma das vítimas de Tchaikovsky Mourão- Foto: Facebook/Reprodução

Tragédia

O crime aconteceu depois que a mãe, Élida Seabra, e os filhos, Paulo Henrique, e João Pedro Seabra Anísio, de 26 anos, retornaram de uma viagem na Semana Santa. Os três foram rendidos em casa pelo assassino armado, que começou a atirar e depois incendiou o imóvel.

Mesmo com os disparos, as três vítimas conseguiram sair da casa e pedir ajuda. Vizinhos ligaram para a Polícia Militar e uma guarnição que estava em região próxima, chegou rapidamente ao local. Eles iniciaram o socorro do lado de fora da casa e ao ouvirem mais um disparo, acionaram o Batalhão de Operações Especiais (Bope) para dar apoio. Foram encontradas diversas armas de Tchaikovsky na residência.

O crime aconteceu motivado pelo processo de separação que Élida deu início em torno de um mês. Tchaikovsky não teria aceitado o fim da relação.

Atualizada às 17h


Governo decreta emergência em cidades após rompimento de barragens no RN

23/04/2019

O decreto de situação crítica foi publicado no Diário Oficial do Estado desta terça-feira, 23 de abril

publicidade

Quatro cidades estão em situação de emergência no Rio Grande do Norte, após barragens privadas se romperem no Estado. Os municípios em risco são: Angicos, Ipanguaçu, Santana do Matos e Fernando Pedroza. 

últimas notícias