Estudantes protestam em Ipatinga contra cortes na educação

15/05/2019 17:07

Publicidade

Entre 200 e 300 pessoas, em sua grande maioria estudantes, segundo a organização, se reuniram no Centro de Ipatinga-MG para se manifestarem contra a proposta de reforma da previdência e os “cortes” dos investimentos na educação.

As manifestações foram espalhadas por todo o país, como foco nas capitais e grandes cidades. De acordo Cida Lima, uma das coordenadoras do evento, a greve na educação é contra todos os cortes na educação e em apoio ao futuro da educação básica no Brasil. “O governo federal está cortando quase 50% de recursos do Fundeb, que é o fundo nacional que mantém a educação pública básica, e está cortando em 35%, mais ou menos, os recursos da universidades federais e dos institutos federais. Então nós estamos nas ruas para lutar contra isso”, afirma.

Enviada ao PLOXWhatsApp Image 2019-05-15 at 17.05.05

Foto: Marcelo Augusto / PLOXWhatsApp Image 2019-05-15 at 16.58.31

Segundo uma estudante, os cortes na educação irão prejudicar muito o futuro do país e comprometer a segurança e as demais áreas da sociedade. “O que o governo Bolsonaro está fazendo é um crime que lesa a pátria. Educação é direito de todos, não só apenas dos mais ricos. Sem educação, as crianças, os jovens irão para a criminalidade, as pessoas não poderão conseguir um emprego e o país vai ainda mais para o buraco”, disse a jovem.

A manifestação durou até o fim da tarde desta quarta-feira (15), e percorreu toda a avenida Vinte e Oito de Abril e retornou à Praça 1º de Maio.

Foto: Marcelo Augusto / PLOX
WhatsApp Image 2019-05-15 at 16.58.30

Foto: Marcelo Augusto / PLOXWhatsApp Image 2019-05-15 at 16.58.31 (1)



Publicidade