Geddel Vieira Lima vai cumprir prisão domiciliar após decisão do STF

15/07/2020 08:31

Decisão foi tomada no fim da noite de terça-feira, pelo ministro Dias Toffoli

O ex-ministro Geddel Vieira Lima vai cumprir prisão domiciliar. A decisão foi tomada na noite dessa terça-feira (14), pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli.

Os advogados do ex-ministro pediram a concessão de prisão domiciliar em razão da pandemia do novo coronavírus. Geddel foi ministro da Secretaria do Governo, durante mandato de Michel Temer, e ministro da Integração Nacional do governo Lula, entre 2007 e 2010.

geddel vieira limaFoto:Agência Brasil
 

Em 2017, foi preso após a Polícia Federal encontrar grande quantidade de dinheiro em um apartamento em Salvador, ligado a ele. No total, R$ 51 milhões. 

Decisão de Toffoli

Em sua justificativa, Toffoli disse que onde “o requerente se encontra custodiado, não dispunha de condições para o tratamento do preso, por pertencer ele ao grupo de risco".

No dia 8 de julho, após a realização de um exame de teste rápido, o ex-ministro foi diagnosticado com Covid-19.