BH mantém postos extras para vacinação contra a raiva

Devem ser vacinados cães e gatos a partir de 3 meses de idade, gestantes ou não

Por Plox

15/12/2020 11h21 - Atualizado há cerca de 1 mês

Tutores de cães e gatos têm até a próxima sexta-feira , dia 18, para vacinar os animais nos postos extras, estruturados pela Prefeitura. A vacinação descentralizada durante uma semana foi uma estratégia adotada para evitar aglomerações nos postos, reduzindo os riscos de contaminação da Covid-19.

Para esta semana, houve readequação no número de postos. Agora cada regional, exceto a Nordeste, conta com um local para vacinação. Já na Regional Pampulha, onde a procura foi menor durante a primeira semana, foram mantidos 13 postos. A vacinação será de segunda a sexta-feira  das 9h às 16h. No Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) Regional Norte, localizado na rua Edna Quintel, 173, bairro São Bernardo, o atendimento será das 8h às 17h.

Vacinação contra raiva cães e gatos BH
Foto: Rodrigo Clemente / Reprodução PBH

 

Devem ser vacinados cães e gatos a partir de 3 meses de idade, gestantes ou não. Para a vacinação, recomenda-se levar os cães contidos por corrente ou guia e, de preferência, conduzidos por adultos. Os gatos devem ser levados em gaiolas ou transportadores. O uso de máscaras é obrigatório nos postos de vacinação.

Balanço da primeira semana
De 7 a 12 de dezembro foram vacinados mais de 180 mil animais (cerca de 147 mil cães e 32 mil gatos). O objetivo da campanha é manter o controle da raiva em Belo Horizonte. Embora a doença não seja registrada em humanos desde 1984 e em cães desde 1989, o vírus da raiva permanece em circulação na capital. Dados até outubro apontam que, neste ano, foram capturados oito morcegos positivos para raiva.

 

PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021