Atlético-MG e Santos empatam sem gols

16/05/2019 07:20

Os times jogaram na noite dessa quarta (15), no Independência. No primeiro tempo, o Peixe teve as melhores oportunidades. Mas no segundo tempo, o Galo jogou levou mais perigo

Publicidade

Os times jogaram na noite dessa quarta (15), no Independência. No primeiro tempo, o Peixe teve as melhores oportunidades. Mas no segundo tempo, o Galo jogou melhor e levou mais perigo.

O time saiu sem abrir vantagem sobre o ríval, entretanto, o técnico Rodrigo Santana ficou satisfeito com o rendimento da equipe porque, para ele, "Se fosse para ter um vencedor, acho que seria o Atlético, principalmente pelo segundo tempo, que o Atlético mereceu a vitória. Não é porque eu sou o treinador, mas acho que a postura de fazer um time desse (Santos) sair dando muitos chutões, é porque a gente estava muito bem encaixado e muito determinado. Acredito que se fosse ter um vencedor, seríamos nós". 

(Foto: reprodução)(Foto: reprodução)

Sendo o nono jogo do Galo sob o comando de Rodrigo, pela primeira vez, o setor passou ileso. "O que eu mais fiquei feliz foi por não ter tomado gol. A gente vinha de uma sequência grande tomando poucos gols (em cada jogo), mas isso me incomodava muito." Rodrigo acredita que hoje, além de não tomar gol, o adversário não deu muito sustos apesar de ser um time que finaliza muito, faz muitos gols e vem de uma goleada.

Aos três primeiros minutos de jogo, Santana teve que substituir Fábio Santos por Patrick, devido a dores musculares que o camisa  6 estava sentindo. Já na segunda etapa, Luan acabou saindo por causa de uma lesão em que torceu o tornozelo direito, em seu lugar entrou Nathan.  Apesar de substituições terem ocorrido devido a problemas médicos, o treinador ressaltou que o time cresceu com "caras novas" em campo. "Toda vez que a gente faz uma substituição que não é por opção, atrapalha."

Rodrigo ressaltou ainda que, "Hoje a gente tinha um banco com várias opções para poder mudar o jogo, mas acho que o grupo evoluiu com as modificações. Hoje eu me sinto mais aliviado, porque o Nathan está entrando superbem, o Cazares esteve bem também, alegando que o time prejudica bastante quando o time tem que trocar um jogador por lesão.

O confronto será no dia 6 de junho, com mando santista. Quem ganhar, avança. Qualquer empate fará com que a vaga nas quartas de final seja decidida nos pênaltis. O time enfrentará o flamengo, às 19h (horário de Brasília), no Independência. Ocupando a terceira colocação com nove pontos, o duelo é válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.



Publicidade