Ginasta brasileira é encontrada morta dentro de casa

Atualmente, Ana Paula atuava como técnica da equipe de ginástica de Cascavel-PR

Por Plox

16/10/2020 19h29 - Atualizado há 12 dias

Nessa sexta-feira (16), a ginasta Ana Paula Scheffer, de 31 anos, foi encontrada morta na casa em que morava com a mãe, em Toledo no Interior do Paraná. Ana Paula foi Bronze pela equipe de ginástica rítmica do Brasil nos jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007.

Segundo informações do portal UOL, A mãe de Ana Paula quem encontrou a ginasta morta dentro de casa. A mãe teria ido acordar a filha quando percebeu que ela estava morta. O corpo da Ginasta foi encaminhado ao Instituto Médico Legal. As causas da morte ainda serão investigadas, porém, existe a suspeita de infarto.

Foto: reprodução/Redes Sociais

Atualmente, Ana Paula atuava como técnica da equipe de ginástica de Cascavel, a GR Cascavel, também no interior do Paraná. A GR Cascavel se pronunciou em relação a morte da ginasta.

"Foram anos de dedicação a frente da GR Cascavel, uma história construída com esforço, dedicação, empenho e muito amor. Estamos com o coração em pedaço sem acreditar nessa repentina perda, mais felizes por ter tido a oportunidade de conviver e aprender tanto com ela. Scheffer, como era carinhosamente chamada, deixou um legado de luta e amor pela GR, foi uma brilhante ginasta e ainda se tornou uma técnica excepcional", escreveu a equipe no Instagram.

Ana Paula, além do bronze nos jogos Pan-Americanos do Rio, Ana Paula participou do Pan de 2005, dos Jogos Sul-Americanos de 2006, em Buenos Aires, e de 2010, em Medellin, além do Mundial de Ginástica Rítmica de 2009, no Japão.  

 

PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2020