Prédio com apartamentos de até R$ 1,6 Milhão é evacuado por risco de desabamento em Praia Grande

Ruptura em pilastras de sustentação leva à retirada urgente de moradores de edifício com unidades avaliadas em até R$ 1,6 milhão.

Por Plox

17/02/2024 08h41 - Atualizado há 4 meses

Um edifício de 23 pavimentos em Praia Grande, no litoral de São Paulo, foi evacuado às pressas na última terça-feira, dia 13 de fevereiro, devido ao risco iminente de desabamento. A causa da emergência foi a ruptura de três pilastras de sustentação, o que levou à inclinação perigosa do prédio Giovannina Sarane Galavotti, que abriga 133 apartamentos, com tamanhos que variam entre 53 m² e 225 m² e valores de mercado que vão de R$ 350 mil a R$ 1,6 milhão.

Foto: Reprodução

Detalhes da Ocorrência

Os moradores do prédio foram obrigados a deixar suas residências imediatamente para evitar qualquer tragédia, uma vez que a estrutura comprometida ameaçava a segurança de todos no local. A evacuação, conduzida sob tensão e urgência, reflete a gravidade da situação estrutural do edifício, que agora permanece vazio enquanto são avaliadas as medidas necessárias para garantir a integridade do prédio e a segurança de seus habitantes.

Impacto e Procedimentos Seguintes

A situação causou alarme entre os residentes e na comunidade local, destacando a importância da manutenção e inspeção regular de estruturas para prevenir riscos de desabamento. As autoridades e engenheiros responsáveis estão em processo de avaliação detalhada para determinar a extensão dos danos e os próximos passos para reparação ou reforço estrutural necessário.

Destaques