Ipatinga

acontece

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Audiência em Ipatinga debaterá piso nacional de enfermeiros nesta quinta (19)

    Diálogo municipal será presidido pela vereadora Mariene Patrícia que defende a implantação do piso no município.

    Por Plox

    17/08/2021 19h00 - Atualizado há cerca de 1 mês

    Acontece na próxima quinta-feira (19) às 19h, na Câmara Municipal de Ipatinga, uma audiência pública que envolve os profissionais de enfermagem. O objetivo é debater os reflexos do PL 2.564/20 na carreira dos profissionais de enfermagem de Ipatinga, que trata da instituição do piso salarial nacional de enfermeiros.

    A audiência será híbrida. Contará com convidados presenciais e também virtuais representantes estaduais e municipais do COREN (Conselho Regional de Enfermagem), além de vereadores e profissionais de enfermagem.

    Para a autora da audiência, o debate sobre o tema se faz importante pois o PL 2564 está em apreciação em nível nacional, sendo necessária a análise de seu impacto na carreira dos profissionais no município. “Precisamos entender os números no município e defender a correta valorização da categoria. Sabemos que são fundamentais na valorização da vida, então, mais que chamar de herói, é preciso valorizar as categorias tão necessárias à nossa saúde”, disse Mariene.

    Segundo Queila Fonseca Pessoa, Conselheira efetiva do Coren, a profissão de enfermagem não possui piso salarial no país e exatamente por esse motivo, representantes da categoria e do Conselho Regional de Enfermagem (Coren) do Vale do Aço, se reuniram nesta segunda feira (16), a outros representantes de todo o Brasil, no Distrito Federal, para participarem da 2ª Marcha da Enfermagem para cobrar do poder público que votem a favor do projeto.

    O projeto, que foi protocolado em maio do ano passado e está no Senado Federal,  fixa piso salarial de R$ 7.315 para profissionais de enfermagem e define carga horária máxima de 30 horas semanais. O projeto também estabelece que técnicos de enfermagem devem receber R$ 5.120, o que corresponde a 70% do piso. E auxiliares de enfermagem e parteiras ficam com metade do valor, ou R$ 3.657.

    A Audiência será presidida pela Vereadora Professora Mariene, autora originária do requerimento de sua realização, que foi assinado, também, pelos demais vereadores, sensíveis à causa.

    Assista via YouTube da Câmara de Ipatinga e participe pelo Chat.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]