Frutas permitidas para cães: Uma lista nutritiva e saborosa

Descubra as opções seguras para incluir na dieta do seu pet, segundo especialistas

Por Plox

18/03/2024 10h23 - Atualizado há 3 meses

As frutas representam uma opção saudável e saborosa para enriquecer a dieta dos cães, trazendo uma variedade de benefícios nutricionais. No entanto, é crucial escolher as frutas adequadas e evitar aquelas que podem ser prejudiciais à saúde dos pets, como alerta o veterinário Aluizio Nunes dos Santos. Ele recomenda evitar frutas cítricas, abacate, mamão e destaca a toxicidade das sementes de uva para os organismos caninos. Além disso, enfatiza a importância de não substituir completamente a alimentação habitual do cachorro por frutas e de consultar um profissional para assegurar que as escolhas alimentares atendam às necessidades específicas de cada animal.

Foto: Freepik/Reprodução

Frutas Recomendadas para Cães

  1. Maçãs: Fonte de fibras e vitamina C, as maçãs favorecem a saúde digestiva. É essencial remover sementes e núcleo devido ao pequeno conteúdo de cianeto.
  2. Bananas: Com alta concentração de potássio e baixo teor de gordura, as bananas são indicadas para cães, proporcionando energia e suporte ao sistema digestivo.
  3. Morangos: Oferecem antioxidantes e fibras, contribuindo para a saúde cardíaca e fortalecimento do sistema imunológico, sempre servidos em pequenos pedaços.
  4. Mirtilos: Ricos em antioxidantes e fibras, melhoram a saúde geral e a função cognitiva, além de ajudarem na prevenção de doenças.
  5. Melancia: Hidratante e fonte de vitaminas A e C, também contém licopeno, benéfico para a saúde ocular. Necessário remover as sementes.
  6. Pêssego: Seguro e apetitoso quando servido sem caroço e casca, rico em vitaminas A e C, promove saúde da pele e do sistema imunológico.
  7. Pera: Uma fonte suave de fibras, auxilia na saúde digestiva e é rica em nutrientes, sempre servida sem sementes.
  8. Manga: Saborosa e nutritiva sem caroço e casca, oferece vitamina A e fibras, apoiando a saúde da pele e a regularidade digestiva.

A inclusão dessas frutas na dieta dos cães deve ser feita com moderação e sob orientação veterinária, para garantir que o pet desfrute dos seus benefícios sem riscos à saúde.

Destaques