Grávida de quádruplos quer abortar os meninos e manter apenas as meninas

18/04/2019 16:29

A mulher de 27 anos conta que ela e o marido, de 30, tentavam engravidar há alguns anos e acabaram realizando a fertilização in vitro

Publicidade

"Eu sou babaca por ter uma escolha de gênero no aborto seletivo?". Esta foi a pergunta de uma gestante de 27 anos, que gera quádruplos, em uma postagem num fórum de internet. Ela parece vivenciar a dúvida de fazer ou não um aborto seletivo, interrompendo a gestação apenas dos meninos. 

Grávida

Após a fertilização, ela soube que seria mãe de duas gêmeas idênticas e dois gêmeos fraternos- Foto: Pixabay

Ela tentava ficar grávida há certo tempo, mas, sem sucesso. Foi quando resolveu, junto do marido de 30 anos, encarar uma fertilização in vitro. Após o procedimento, souberam que seriam pais de duas gêmeas idênticas e dois gêmeos fraternos.

A mulher disse que pelo fato de ter porte pequeno, poderia haver risco em continuar a gestação dos quatro bebês. O próprio médico deu como sugestão fazer um aborto seletivo, para evitar problemas.

Ela afirmou no post que essa seria a opção mais viável para o casal, já que a situação financeira não lhes permite ter os quatro filhos. A mulher também disse sonhar ser mãe de meninas.

A gestante ainda confessou que seu coração se “parte” por ter que escolher esta alterativa, e que caberia escolher os bebês que viverão, caso optem pelo aborto. “Essa história parece trágica, tipo uma novela, mas é honestamente a coisa mais difícil que eu já fiz".

Mulher faz post em rede social sobre interromper gravizes de gêmeos

Atualizada às 17h13



Publicidade