Ipatinga

acontece

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Vale do Aço terá ferrovia para transporte de cargas até São Mateus-ES

    Projeto está em andamento; apresentação aos prefeitos da região ocorreu nesta segunda (18)

    Por Plox

    18/10/2021 22h37 - Atualizado há cerca de 1 mês

    Na tarde desta segunda-feira (18), uma coletiva de imprensa foi realizada para tratar da implantação da ferrovia que ligará o Vale do Aço ao município de São Mateus, no Espírito Santo. A apresentação ocorreu na Fiemg Regional Vale do Aço e contou a participação de Flaviano Gaggiato, presidente da instituição, e José Roberto da Silva, diretor-presidente da Petrocity Portos S.A, empresa responsável pelo projeto. 

    Diretor-presidente da Petrocity Portos S.A e o presidente da Fiemg Regional Vale do Aço. Foto: Danielle Soares/PLOX

     

    Conforme José Roberto, a ferrovia será utilizada para o transporte de cargas e o traçado compreende São Mateus, Nova Venécia, Barra de São Francisco, no Espírito Santo, e alguns municípios até chegar a Governador Valadares e ao Vale do Aço, em Minas Gerais. A Estrada de Ferro Minas-Espirito Santo (EFMES) terá 460 quilômetros e a previsão inicial é de transportar 18 milhões de toneladas de carga. 

    “Com a tendência de crescimento e com o modelo nosso de se tratar de uma ferrovia moderna, com vagões maiores em função da bitola, e com velocidade maior, nós queremos chegar à casa dos 30 milhões de toneladas nos próximos 5 anos após o início das suas operações”, afirmou.

     

    Neste momento, o projeto passa pelo refinamento de estudos, etapa que definirá o melhor traçado. A expectativa é finalizá-lo até o início de 2024 e concluir as obras até 2026. No vale do Aço, ainda não há um local definido onde será construída a Unidade de Transbordo e Armazenamento de Cargas (UTAC). 

    Segundo Gaggiato, a ferrovia possibilitará uma redução no valor do frete das diversas mercadorias que poderão escoar por ela. “Uma excelente oportunidade de ter um novo modal de logística para que você possa negociar um frete a um custo menor. [...] As prefeituras, por sua vez, logico, todas têm interesse e eu acho justo. Cada prefeito defendeu seu município. Mas, existe também o consenso de que ela [a UTAC] tem que vim para o Vale do Aço independendo do município”, explicou.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]