Alerta de fraude: golpe oferece desconto fictício no IPVA Via PIX

Campanha de Phishing Utiliza IPVA Como Isca para Enganar Contribuintes

Por Plox

19/01/2024 06h15 - Atualizado há 3 meses

O início do ano é marcado pelo pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), e com isso, surge um alerta da empresa de segurança digital Kaspersky sobre uma campanha de phishing explorando este momento. Cibercriminosos estão disseminando e-mails falsos que prometem descontos de 50% no IPVA com pagamento via PIX, direcionando os contribuintes para um site fraudulento.

 

Como Funciona o Golpe? 

Os e-mails, redigidos sem erros ortográficos, apresentam uma suposta oportunidade para emissão de guia de pagamento do IPVA com desconto. Ao clicar no botão de consulta fornecido no e-mail, as vítimas são levadas a um site falso. Neste site, os criminosos aplicam um ataque conhecido como "man-in-the-middle", interceptando informações inseridas pelos usuários, incluindo dados pessoais e detalhes do veículo.

O site fraudulento exibe o valor real do IPVA, consultado no site legítimo do órgão de trânsito, para parecer mais crível. Os golpistas induzem o proprietário do veículo a gerar um código de pagamento, disponibilizando apenas a opção de PIX por QR code. Os fundos pagos são transferidos para uma conta em um banco digital sob controle dos criminosos, resultando em perdas financeiras diretas para as vítimas.

 

Recomendações Contra Golpes de Phishing 

Para evitar cair nesse tipo de golpe, a Kaspersky aconselha:

  1. Desconfiar de descontos significativos e promoções inusitadas.
  2. Verificar cuidadosamente os links antes de clicar e evitar inserir informações pessoais em sites suspeitos.
  3. Manter o software antivírus atualizado, o que é essencial para reconhecer sites falsos e links mal-intencionados.
  4. Educar-se sobre táticas de phishing, reconhecendo mensagens potencialmente fraudulentas e evitando repassá-las.

Esta campanha de phishing ressalta a importância de estar alerta e informado sobre as táticas utilizadas por cibercriminosos, especialmente em períodos como o início do ano, quando obrigações fiscais como o IPVA são comuns.

 

 


 

Destaques