Aciapi e CDL de Ipatinga recebem secretário da Sesuma e lojistas do Centro

19/06/2019 11:57

O objetivo do encontro foi debater os interesses da classe empresarial

Publicidade

Para debater os interesses da classe empresarial, a Associação, Comercial, Industrial, Agropecuária e de Prestação de Serviços de Ipatinga (Aciapi) e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Ipatinga promoveram uma reunião, nessa terça-feira (18),  com o secretário municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma), Agnaldo Bicalho. Esse encontro também contou com a participação de lojistas e representantes do Legislativo.

Na avaliação do presidente da Aciapi, Cláudio Zambaldi, a reunião entre os representantes do poder Executivo e lojistas foi muito positiva, na qual a administração de Ipatinga mais uma vez mostrou flexibilidade e pontualidade em estar participando de uma reunião solicitada pela Aciapi-CDL, a pedido dos lojistas do Centro. “Entre os assuntos discutidos estavam a questão dos vendedores ambulantes e as regularidades do empresário. Então foi uma reunião extremamente importante, na qual o secretário se colocou disponível a atuar efetivamente sobre os vendedores ambulantes, que não trazem riqueza para nossa cidade, e também a orientar os empresários da melhor forma possível em relação a suas obrigações”, informou.

IMG 0294(Foto: divulgação)

O presidente da CDL de Ipatinga, José Carlos de Alvarenga, ressaltou que existe uma lei que proíbe que sejam colocados produtos na calçada e que a administração tem buscado combater os vendedores informais que praticam tal ação no Centro de Ipatinga. “Dentro da nossa finalidade, que é representar a classe empresarial, foi convocada essa reunião junto com secretário Agnaldo Bicalho. Ele prontamente veio para atender os lojistas e explicar o que pode ser feito. Nós precisamos que as pessoas respeitem aqueles que cumprem com suas obrigações legais, como pagar aluguel, funcionário e taxas, para que estes não sejam prejudicados com o comércio informal”, salientou.

Aproximação

Para o secretário Agnaldo Bicalho, a reunião foi um momento oportuno para a administração municipal, que pôde fazer uma prestação de contas para os empresários. “Temos uma determinação do prefeito Nardyello Rocha, no sentido de que a cidade precisa ser organizada. Quem está gerando emprego e renda para a cidade, precisa ser valorizado. Temos que evitar a concorrência desleal, que o comércio ilegal provoca. Por isso que colocar as necessidades da cidade em pauta é muito importante para todos nós”, enfatizou.

Conforme o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Ipatinga e diretor da Aciapi, Luís Henrique Alves, a aproximação entre o poder público, entidades e comerciantes é fundamental. “Eu acredito que com o diálogo é possível encontrar soluções melhores para situações que acontecem na nossa cidade, no que interessa a classe empresarial. Foi uma conversa muito interessante, na qual encontramos um equilíbrio para que Ipatinga possa se organizar, de modo que o comerciante e os clientes sejam beneficiados da melhor forma possível”, disse.

reuniao sesuma(Foto: divulgação)

Lojistas

Para o lojista Bruno Morais, da Rota Americana, a reunião com os representantes do Executivo foi bastante produtiva, já que as duas partes foram ouvidas, tantos os comerciantes quanto o secretário. “Apresentamos os problemas enfrentados no Centro, que eles poderiam olhar com mais atenção, como vendedores ambulantes nas ruas e pessoas ocupando calçadas. Eles também falaram das suas dificuldades, mas que iriam atuar com veemência, para que o Centro possa ser um local mais comercial e mais produtivo”, informou.

Segundo o lojista Geraldo Nunes, da Top Calçados, é importante o envolvimento da classe nesses debates com o poder Executivo, já que é uma oportunidade para encontrar possíveis soluções para os problemas enfrentados no comércio. “Nós comerciantes temos uma carga tributária muito grande, pagamos aluguéis, taxas, e essas pessoas chegam para competir conosco de forma desleal. Por isso que essa prática precisa ser combatida”, pontuou.

 

 



Publicidade