"Fantástico" revela influenciadores envolvidos com casa de apostas ilegais Blaze

Reportagem gera controvérsia ao expor celebridades promovendo jogos de azar; investigação policial em andamento

Por Plox

19/12/2023 08h02 - Atualizado há 5 meses

Na noite de domingo, o programa "Fantástico" da TV Globo trouxe à tona a polêmica envolvendo influenciadores digitais e a casa de apostas Blaze. A reportagem detalhou como esses influenciadores, conhecidos por suas presenças online substanciais, promoviam jogos considerados ilegais pela legislação brasileira, desencadeando uma investigação policial. A matéria também acusou a Blaze de praticar golpes, citando casos de usuários que não conseguiram resgatar altos valores ganhos na plataforma.

Reprodução

Controvérsia e Defesas dos Influenciadores

Entre os influenciadores mencionados estavam Mel Maia, Viih Tube, Jon Vlogs, Juju Salimeni e Rico Melquíades. A reportagem também gerou debate ao omitir nomes como Neymar Jr e Felipe Neto, que já foram associados à Blaze. Em resposta, alguns influenciadores se defenderam nas redes sociais. Viih Tube, por exemplo, afirmou que tentava romper seu contrato com a Blaze desde novembro, após tomar conhecimento das acusações de golpes. Ela destacou a dificuldade em desvincular-se rapidamente da empresa.

Juju Salimeni criticou a TV Globo por hipocrisia, apontando que o BBB, um dos principais realities da emissora, é patrocinado por uma empresa semelhante à Blaze. Ela enfatizou a contradição entre a postura crítica do "Fantástico" e a aceitação de patrocínios de empresas de apostas pela Globo.

Mel Maia contestou a afirmação da Globo de que ela não respondeu aos pedidos de comentários, apresentando provas de que sua equipe jurídica enviou uma nota esclarecendo que seu contrato com a Blaze era apenas para publicidade da marca.

Rico Melquíades, por outro lado, optou por não comentar imediatamente sobre a situação, indicando que buscaria esclarecimentos antes de se pronunciar. Ele também demonstrou uma postura desafiadora, anunciando que continuaria a promover a Blaze.

Destaques