Aumento alarmante de mortes e casos de dengue no Brasil

O país enfrenta uma grave epidemia de dengue, com 113 mortes confirmadas e centenas de óbitos sob investigação.

Por Plox

20/02/2024 07h51 - Atualizado há 4 meses

O Brasil registra uma crescente epidemia de dengue, com 113 vidas já perdidas desde o início do ano. O Ministério da Saúde revelou que, além dessas mortes, outras 438 estão sendo investigadas por suspeita de ligação com a doença. Em um país com 653.656 casos prováveis reportados, a situação torna-se cada vez mais preocupante, evidenciando um desafio significativo para as autoridades de saúde pública.

Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

Disparidades de Gênero e Faixa Etária

Interessantemente, o perfil dos infectados mostra uma predominância feminina, com as mulheres representando 55% dos casos, enquanto os homens compõem os 45% restantes. A distribuição por idade indica que a faixa etária mais afetada é a dos 30 aos 39 anos, seguida pelos grupos de 40 a 49 e de 50 a 59 anos, sugerindo que a doença não discrimina por idade, afetando uma ampla gama da população adulta.

Distribuição Geográfica da Epidemia

A incidência da dengue varia significativamente entre as regiões, com o Distrito Federal apresentando o maior coeficiente de incidência, alarmantes 2.814,5 casos por 100 mil habitantes. Minas Gerais, Acre, Paraná e Goiás também mostram números preocupantes, com coeficientes de incidência elevados e grandes volumes de casos. Minas Gerais lidera em termos absolutos, com 218.066 casos, seguido por São Paulo, Distrito Federal, Paraná e Rio de Janeiro.

Destaques