Homem é flagrado abusando sexualmente de galinha em Timóteo

Animal foi apreendido pela polícia nessa quarta-feira (19)

Por Plox

20/10/2022 15h52 - Atualizado há mais de 1 ano

Nessa quarta-feira (19), a Polícia Militar Ambiental recuperou uma galinha que era vítima de zoofilia, no bairro Alvorada, em Timóteo, Minas Gerais. O fato foi gravado na última terça-feira (18) e chegou até os militares.

De acordo com a polícia, ao receber as informações, os militares deslocaram até o local dos fatos. Ao chegar, foi realizado o contato com a proprietária do imóvel, que esclareceu que no local residem três famílias, compostas por filhos, sendo o terraço de uso comum.

Ao ser questionada, esclareceu, após visualizar os vídeos e fotos apresentadas, que o denunciado seria o seu cônjuge, e que este mantinha presa em um galinheiro localizado no terraço, uma galinha.

A mulher ainda acrescentou que seu marido não se encontrava na residência, não sabendo dizer sua localização. Esclareceu que ele saiu de manhã, no veículo próprio e que não sabe dizer para qual destino.

 

Foto: reprodução

 

Ainda conforme os militares, ao entrarem na residência foram constatados os seguintes fatos: 

  • No terraço da residência foi encontrada uma galinha de raça não definida, presa em um galinheiro, a qual apresentava lesões e inchaço, na cloaca.
  • Também foi possível constatar, seguramente, que tanto a residência, quanto o terraço, alvo da fiscalização e que se encontrava a galinha, trata-se do mesmo local das fotos e vídeos que embasaram a denúncia.
  •  
Foto: divulgação/ Polícia Ambiental

 

Diante dos fatos, considerando a constatação de maus tratos a animal domestico que estava sob a guarda do denunciado, caracterizado pelo abuso sexual do mesmo e por causar lesões e agressão, além de sofrimento e/ou dano físico.

Os militares consideraram que a conduta praticada se amolda nos incisos II e IX, do Art. 1º, da Lei estadual nº 22231 DE 20/07/2016, que dispõe sobre a definição de maus-tratos contra animais no Estado e dá outras providências.

A galinha, foi apreendida, juntamente com uma gaiola e destinada ao Serviço de Controle de Zoonoses da Secretaria de Saúde de Timóteo, localizado à avenida Jorge Dias Duarte,  no bairro Santa Cecília.

O veterinário, do centro de zoonoses, atendeu o animal e esclareceu que "irá avaliar a possibilidade de um perito médico veterinário legista receber este animal para examiná-lo e então emitir lauto sobre o fato".

Considerando que a conduta acima descrita configura infração administrativa prevista no decreto nº 47.383, de 02 de março de 2018, o autor foi autuado administrativamente.

O homem foi lavrado em meio digital, com cientificação posterior.  Devido à ausência do responsável, o auto de infração será enviado para o endereço do autuado, por meio de serviço de correspondência.


 

Destaques