Roubo ousado em Goiânia: Ladrões descem de prédio por rapel após furtar joalheria

Dupla suspeita de furto em joalheria de Goiânia é capturada em Campinas após fuga inusitada

Por Plox

20/12/2023 13h08 - Atualizado há 4 meses

 Em um audacioso roubo ocorrido na madrugada de segunda-feira, dois homens foram presos após invadir uma joalheria em Goiânia e fugir utilizando técnicas de rapel do 11º andar de um prédio comercial. O crime, que ocorreu no Setor Bueno, chamou a atenção pela ousadia e complexidade da operação.

Foto: Reprodução PM-GO

Invasão e Fuga Inusitada

O coronel Granja, comandante do Policiamento da Capital, relatou que os criminosos, originários de São Paulo, esconderam-se no prédio durante o dia e agiram à noite. Eles iniciaram o crime furando a parede de uma clínica de psicologia para acessar a joalheria. Utilizando sprays de tinta, neutralizaram as câmeras de segurança para evitar filmagens.

Após arrombar o cofre da joalheria, que estava em reforma e por isso continha poucas joias, segundo relato da proprietária à Polícia Militar, os ladrões utilizaram cordas de rapel para descer do alto do edifício. Esse método de fuga, raro em ações criminosas, destacou-se pela complexidade e risco.

Prisão e Antecedentes dos Criminosos

A Polícia Militar de Goiás revelou que os suspeitos estavam hospedados em uma casa alugada em Goiânia desde 6 de dezembro, possuindo informações privilegiadas sobre o local do roubo. A fuga para São Paulo foi feita em um carro clonado, e a prisão ocorreu em Campinas, com a colaboração da Polícia Civil de São Paulo e da Polícia Rodoviária Federal.

Segundo as autoridades, os detidos já possuem histórico criminal por furtos e são membros de uma quadrilha especializada nesse tipo de crime. 

Destaques