Homem é preso após tentar estrangular ex-mulher se passando por funcionário da Cemig

A mulher foi surpreendida ao descobrir que o suposto servidor era, na verdade, seu ex-companheiro

Por Plox

21/06/2023 19h48 - Atualizado há 11 meses

Um cidadão de 36 anos foi detido na cidade de Montes Claros, Norte de Minas, por se fazer passar por funcionário da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) com o intuito de atacar sua ex-parceira. Vestindo trajes que lembravam o uniforme dos empregados da concessionária de energia, o indivíduo também utilizou acessórios como capacete e óculos para reforçar seu disfarce. Tais itens foram posteriormente apreendidos pela Polícia Militar.

 

Foto: Reprodução

O incidente ocorreu na terça-feira passada, dia 20 de junho, no bairro de Santa Lúcia, zona norte da cidade. Segundo informações fornecidas pela vítima à Polícia Militar, o agressor teria alegado ser funcionário da Cemig e que estava ali para notificar um atraso na conta de luz. Entretanto, após abrir o portão de sua residência, a mulher foi surpreendida ao descobrir que o suposto servidor era, na verdade, seu ex-companheiro. Ele chegou a alterar o tom de voz ao se anunciar em frente à residência.

Aparentemente, a motivação por trás do ataque estava relacionada ao pagamento de pensão alimentícia para a filha de 4 anos do casal. Segundo o relato da vítima, logo após se revelar, o homem a derrubou e iniciou uma tentativa de estrangulamento. O pedido de socorro da mulher levou o agressor a fugir, mas ele foi rapidamente perseguido por um vizinho, que atua como policial penal. Auxiliado por outros residentes locais, o vizinho conseguiu deter o homem até a chegada da Polícia Militar.

O indivíduo foi detido em flagrante e encaminhado à delegacia de plantão em Montes Claros. Sua prisão foi efetuada de acordo com a Lei Maria da Penha, que protege as mulheres contra a violência doméstica.

Em resposta ao incidente, a Cemig emitiu uma nota esclarecendo que o uniforme usado pelo agressor não corresponde ao modelo adotado pela companhia ou por suas empresas parceiras. A empresa aproveitou a oportunidade para orientar a população: caso haja qualquer dúvida sobre a veracidade de uma visita técnica em nome da Cemig, recomenda-se que os clientes liguem para o número 116 para verificar a legitimidade do serviço.

 

Destaques