Rafael Cabral é o goleiro com mais ‘clean sheets’ entre Séries A e B

Em 31 partidas disputadas, o arqueiro celeste ficou 17 jogos sem sofrer gols

Por Plox

22/09/2022 15h26 - Atualizado há mais de 1 ano

Após dois anos de campanhas medíocres na Série B, o Cruzeiro finalmente reencontrou seus dias de glória, e de forma recorde, garantiu o seu retorno à elite do futebol nacional. É inegável que o sucesso da Raposa se dá principalmente pelo trabalho coletivo desenvolvido por Paulo Pezzolano, porém, durante o ano, alguns atletas conseguiram se destacar individualmente.

Cabral é um dos destaques individuais do Cruzeiro 2022. Foto: Staff Images/Cruzeiro.

 

Um deles é o  goleiro Rafael Cabral. O arqueiro celeste chegou a missão ingrata de ser o sucessor de Fábio, o maior ídolo recente do time mineiro. Além do acesso matemático já garantido, Cabral poderá comemorar marcas individuais expressivas também. Em 31 partidas pelo campeonato nacional, o goleiro saiu sem levar gol em 17 oportunidades, mais do que a metade, mais do que qualquer outro goleiro titular das Séries A e B.

Isso ajuda a explicar o motivo do Cruzeiro ter a melhor defesa do torneio, com apenas 16 gols tomados, três a menos que o time do Bahia, que tem a 2ª melhor defesa da competição.

Claro que o fato do Cruzeiro ter saído de campo com 17 ‘clean sheets’ - é um termo inglês que se refere a quando um time (ou goleiro) não sofre gol em uma partida - não se deve somente ao Rafael. É necessário dividir partes dos créditos com os zagueiros Zé Ivaldo, Oliveira e Eduardo Brock, e pelo sistema consistente montado pelo técnico uruguaio.

Destaques do sistema defensivo, Brock e Oliveira ao lado de Machado durante treinamento na Toca da Raposa II. Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro.

Apesar do bom desempenho dos zagueiros, volantes e alas cruzeirenses, Cabral coleciona boas intervenções. O goleiro do Cruzeiro é o 11º com mais defesas, 57, sendo 11 delas consideradas defesas difíceis.

Pelo índice ‘FootStats’, Rafael Cabral é o melhor goleiro da atual edição da Série B .Foto: Staff Images/Cruzeiro.

 

Rafael tem sido tão consistente debaixo das traves, que não deu brecha para nenhum outro goleiro do plantel do Cruzeiro. Gabriel Mesquita, que também foi contratado nesta temporada, sequer estreou com a camisa cruzeirense.


 

Destaques