PL almeja fortalecimento eleitoral com apoio de Bolsonaro e Michelle

Estratégia ambiciosa visa lançar candidatos em até 3.000 municípios e consolidar presença em capitais importantes.

Por Plox

22/10/2023 17h40 - Atualizado há 7 meses

O PL, na perspectiva de solidificar sua imagem perante o eleitorado, está considerando lançar candidatos a prefeito em cerca de 3.000 municípios. O objetivo central, orquestrado por Valdemar Costa Neto, presidente da sigla à qual Jair Bolsonaro está filiado, é reforçar a presença do partido em numerosas capitais e pavimentar o caminho para a corrida presidencial de 2026.

(foto: Flickr/Palácio do Planalto)

Em comparação, o PT tem adotado uma estratégia mais moderada, estando aberto a desistir de lançar candidatos próprios e focar em negociar posições de vice-prefeito em metrópoles como São Paulo, Rio de Janeiro e Recife.

Planos Estratégicos e Reuniões Internas

Dirigentes do PL têm como objetivo vencer em mil municípios e têm realizado encontros semanais para discutir estratégias para as eleições de 2024 e o futuro do partido. Essas reuniões contam com a presença de figuras como Bolsonaro, a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro e líderes influentes do Congresso.

Bolsonaro expressou sua determinação em se envolver profundamente na campanha, intensificando viagens e participações em gravações de campanha para candidatos do PL, enquanto sinalizou cautela sobre apoiar aqueles que não conhece bem.

Mudança de Estratégia de Bolsonaro

Comparando com 2020, a abordagem de Bolsonaro passou por uma revisão. Naquele ano, sem estar filiado a um partido, ele optou por apoiar um grupo seleto de candidatos, estratégia essa que não rendeu os frutos esperados nas urnas. Agora, com uma estrutura partidária estabelecida e mais tempo, ele planeja ser mais ativo nas campanhas eleitorais.

O papel de Michelle Bolsonaro

Michelle Bolsonaro é vista como uma peça-chave na estratégia do PL. Seu envolvimento na última corrida presidencial foi limitado, mas agora, como parte do alto escalão do partido e liderando o PL Mulher, ela se prepara para ter um papel mais ativo. Michelle está focada em fortalecer a candidatura de mulheres que concorreram em 2020 pelo PL e não tiveram êxito.

Projeções e Alianças Futuras

Atualmente, o PL possui aproximadamente 360 prefeitos, número que espera aumentar consideravelmente nas próximas eleições. Com foco na mobilização de eleitores mais velhos, o partido lançará em breve a iniciativa "PL Maturidade".

Na arena política, o PL rejeita qualquer parceria com o PT e busca alianças com partidos da direita. Entre os estados prioritários para o PL estão Minas Gerais, Bahia e Pernambuco. No contexto das grandes cidades, nomes como Alexandre Ramagem no Rio de Janeiro e Bruno Engler em Belo Horizonte estão sendo considerados para as candidaturas a prefeito.

Visão Final

A meta do PL de conquistar mil prefeituras reflete a crescente presença do partido no cenário político nacional. Com 99 deputados federais atualmente, o partido busca expandir sua influência e solidificar sua marca no cenário político brasileiro.

Destaques