Gêmeos detidos com camisas de "polícia privada" em BH

Irmãos são presos no bairro Planalto após tentativa de fuga; mãe de 60 anos também é detida por ameaçar militares.

Por Plox

22/10/2023 08h24 - Atualizado há 7 meses

Dois irmãos gêmeos, de 36 anos, foram detidos na Praça Engenheiro Lenine Savini, localizada no bairro Planalto, na região Norte de Belo Horizonte, após serem avistados usando camisas com a inscrição "polícia privada" e ostentando o brasão da República Federativa do Brasil. A Polícia Militar informou que a ação ocorreu após denúncias de populares sobre a presença de dois homens agindo de maneira suspeita no local, monitorando estabelecimentos comerciais.

 

 

Foto: PMMG/Divulgação

Abordagem e tentativa de fuga

Conforme relatado pela Polícia Militar, ao chegarem ao local, os agentes identificaram e se aproximaram dos gêmeos para uma abordagem. Contudo, os irmãos se alteraram e tentaram evadir-se. Enquanto um dos irmãos foi prontamente contido e algemado, o outro temporariamente conseguiu escapar. Ele retornou pouco tempo depois, acompanhado de sua mãe, sendo então detido pelos policiais.

Ao serem interrogados, os gêmeos disseram que ocasionalmente atuam como seguranças em eventos. Porém, não forneceram justificativas para o uso das camisas inscritas nem para a sua presença na praça.

 

Mãe também detida

Durante o incidente, a mãe dos gêmeos, uma mulher de 60 anos, foi presa pela Polícia Militar. A idosa é acusada de ameaçar os militares, proferindo palavras de que "colocaria todos os bandidos da favela atrás deles". A senhora foi detida por ameaça e desobediência, juntamente com seus filhos, sendo todos conduzidos para a delegacia de plantão digital.

Destaques