Homem é preso após ser surpreendido pela Polícia e matar mulher dentro de casa

A polícia suspeita que a mulher, de 43 anos, estava desde a última semana sendo mantida em cárcere privado

Por Plox

23/02/2021 19h32 - Atualizado há 6 dias

Nessa segunda-feira (22), um homem de 35 anos foi preso em flagrante, no bairro Flávio Marques Lisboa, na região do Barreiro, em Belo Horizonte, suspeito de feminicídio. A polícia suspeita que a mulher, de 43 anos, estava desde a última semana sendo mantida em cárcere privado e foi morta quando os policiais chegaram no local.

A denúncia do possível cárcere privado veio de um amigo próximo da vítima. Segundo a Polícia Civil, ele procurou a delegacia Regional do Barreiro após esperar a vítima para ir trabalhar e ela não aparecer. Apenas depois de mandar várias mensagens, ela havia ligado para ele e informado que estava indo para a casa da mãe, mas o homem resolveu acionar a polícia por que estranhou o tom de voz dela.

Ao receber a denúncia, os investigadores seguiram para a casa da vítima. Segundo os policiais, eles fizeram contato com a proprietária da residência onde relataram que a vítima estava morando com o homem desde agosto do ano passado, mas, ela disse que não conversava com a mulher desde a última sexta-feira (19).

Os policiais, chegaram a chamar no portão da casa e foram atendidos por um homem que apareceu na varanda, que perguntou o motivo dos investigadores estarem lá, quando foi respondido que estavam a procura da vítima. Ainda de acordo com os agentes, ele voltou para dentro do imóvel e pouco tempo depois disse que eles poderiam entrar que ele havia acabado de matá-la.

Quando entraram no local, a mulher foi encontrada esfaqueada e caída em um dos quartos. Ao ser encaminhada ao Hospital Júlia Kubitscheck, eles confirmaram o óbito da vítima.

A Polícia Civil, relatou que o homem foi autuado em flagrante por feminicídio.

PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021