Ipatinga

turismo

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Conselho de Turismo de Fabriciano aponta melhorias e ações para a Serra dos Cocais

    Os dados, sugestões e observações coletadas serão compilados, avaliados e, na medida do possível, transformados em políticas públicas de fomento e fortalecimento do turismo

    Por Plox

    23/03/2021 19h19 - Atualizado há mais de 1 ano

    Coronel Fabriciano também “guarda” riquezas naturais da região. A Serra do Cocais abriga um importante remanescente de Mata Atlântica, mirantes, cachoeiras, arquitetura tipicamente rural e grupos folclóricos que mantêm viva a tradição dos primeiros moradores do Vale do Aço. Há 18 km do centro da cidade, a Serra dos Cocais é um ponto de encontro daqueles que apreciam o turismo de aventura e a natureza.

    Com foco no desenvolvimento do turismo local, pós-pandemia, a Secretaria de Governança de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura trabalha junto ao Conselho Municipal de Turismo (Comtur) num diagnóstico para identificar potenciais, desafios e possíveis ações para a Serra dos Cocais. No início do mês, os novos membros do Comtur, recém-empossados, subiram a serra para uma visita técnica a convite do município para avaliar in locco o estado atual e apontar melhorias para receber o turista.

    Foto: Divulgação PMCF

     

    A iniciativa foi coordenada pelo gerente de Turismo, Waldiney Renato Carvalho (Vavá) e a coordenadora de Equipamentos e Circuitos Turísticos, Emanuelle Cogo Simões. A visita começou no Santuário Nossa Senhora da Piedade, passando pela Capela de São José e de Santa Vitória, Empório da Serra dos Cocais, chegando à Hortaliça do Rancho e Sítios do Simão e das Jabuticabeiras. Além dos esportes radicais, quem visita o local pode adquirir produtos fabricados pela comunidade e conhecer a gastronomia mineira.

    Foto: Divulgação PMCF

     

    Foram avaliados os seguintes itens: Infraestrutura Básica (pavimentação, saneamento básico, iluminação pública, coleta de lixo, transporte urbano, segurança pública e serviços de comunicação – telefonia móvel e fixo e sinal de internet); Equipamentos e Serviços Turísticos (restaurantes, bares e similares, hospedagem, comércio geral, informações e sinalização turísticas) e equipamentos e serviços de receptivo ao turista; Atrativos Turísticos. Cada um destes itens recebeu notas de 1 a 5, e ao final, os conselheiros puderam apontar ainda sugestões e demais considerações.

    Adriano Francisco, vice-presidente do Comtur e empresário do Turismo de Aventura, avaliou a iniciativa. “Já atuo na área de turismo, inclusive, aqui nos Cocais. Temos uma direção atuante, atrativos que não deixam nada a desejar para outros lugares e percebemos que os donos de restaurantes, pousadas e afins estão se preparando para melhor receber o turista. É importante apresentar as riquezas para aqueles que ainda não conhecem a Serra dos Cocais e levar conhecimento para melhorar”, elenca.

    GESTÃO COMPARTILHADA

    O secretário da Pasta, Homero Quinete, destaca a importância do envolvimento dos Conselhos para o sucesso na execução e acompanhamento das políticas públicas no município. “O Comtur está a par de todas as ações da Secretaria. Esse compartilhamento nos ajuda a tomar decisões mais assertivas e agregam a parte técnica – de responsabilidade da Secretaria – para o fomento e fortalecimento do turismo e toda a cadeia de negócios a ele atrelados”, explica.

    Os dados, sugestões e observações coletadas serão compilados, avaliados e, na medida do possível, transformados em políticas públicas de fomento e fortalecimento do turismo.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]