Ex-vereador acusado de assédio assume cargo na Secom para preparar encontro do G20

Ricardo Lovatto Blattes, ex-diretor do Cade, é nomeado para a Secretaria de Comunicação Social da Presidência

Por Plox

23/05/2024 07h42 - Atualizado há 21 dias

O ex-diretor do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), Ricardo Lovatto Blattes, que enfrenta acusações de assédio moral por parte de servidoras da instituição, foi designado para a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República. A nomeação, confirmada por portaria assinada pelo ministro interino Laércio Portela, atribui a Blattes a responsabilidade pelos preparativos do encontro do G20, marcado para novembro no Rio de Janeiro.

Ricardo Lovatto Blattes e Paulo Pimenta Foto: Instagram @blattes.pt

Acusações de Assédio

No início de maio, Blattes, ex-vereador pelo PT em Santa Maria (RS), foi denunciado por nove servidoras do Cade. As alegações incluem ameaças de demissão, insinuações infundadas de corrupção entre terceirizados, desrespeito às mulheres e comentários machistas. Além disso, durante seu mandato como diretor do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor no Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Blattes acumulou “problemas de relacionamento” com colegas. Duas servidoras do MJSP relataram abordagens inadequadas e reclamaram de sua postura.

Histórico Profissional

Antes de sua nomeação para o Cade em outubro de 2023, Blattes já havia enfrentado controvérsias em sua trajetória profissional no MJSP. Agora, sua nomeação para a Secretaria de Comunicação Social é de caráter transitório e tem como objetivo a organização da presidência do G20 pelo Brasil. Ele permanecerá no cargo até novembro, quando a Cúpula de Líderes do G20 será realizada no Rio de Janeiro.

Destaques