FSFX está com inscrições abertas para formação profissional para pessoas com deficiência

O Programa visa promover a inclusão e igualdade oferecendo cursos presenciais e à distância

Por Plox

23/05/2024 13h52 - Atualizado há 28 dias

Alô, pessoas com deficiência que buscam aperfeiçoamento para o mercado de trabalho! A Fundação São Francisco Xavier está com inscrições abertas, até o dia 02 de junho, para  o Programa de Capacitação Profissional para Pessoas com Deficiência. O Programa visa promover a inclusão e igualdade, oferecendo cursos de capacitação profissional gratuitos e exclusivos para pessoas com deficiência, com idade mínima de 16 anos, que tenham concluído ou estejam cursando o Ensino Médio. Para explicar os detalhes, o Plox recebe no estúdio o promotor do Ministério Público do Trabalho, Adolfo Jacob, e a gerente jurídica e de governança corporativa da FSFX, Carmelita Anicio De Almeida. Acompanhe!

 

 

O projeto tem como principal objetivo aprimorar habilidades, fortalecer a autoestima, a autonomia e a cidadania das pessoas com deficiência (PcD), contribuindo para que ingressem e se destaquem no mercado de trabalho.
Com uma carga horária de 20 horas, as aulas acontecerão nas modalidades presencial e on-line, sendo disponíveis os cursos: Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Logística, Introdução ao Power BI, Atendimento ao Público e Marketing de Redes Sociais. 
As turmas presenciais terão lotação de até 30 pessoas e as aulas serão realizadas nos espaços do Colégio Técnico São Francisco Xavier, no bairro Horto, em Ipatinga/MG, enquanto as turmas on-line serão conduzidas na plataforma Teams, com lotação máxima de 80 pessoas. 


As inscrições estão abertas de 2 de maio a 2 de junho de 2024, com início das aulas previsto para o dia 24 de junho de 2024. Os candidatos interessados têm a possibilidade de se inscreverem em mais de um curso oferecido pelo Programa de Capacitação. A seleção será realizada levando em consideração as vagas disponíveis nos cursos de primeira opção. Caso não haja mais vagas disponíveis, as inscrições serão automaticamente consideradas para a segunda opção indicada. O edital completo está disponível no site da FSFX.


Reunião de Lançamento oficial do Programa de Capacitação Profissional para Pessoas com Deficiência

No dia 26 de abril, a diretoria e lideranças da Fundação São Francisco Xavier receberam integrantes de entidades do Vale do Aço em uma reunião de abertura para apresentação do Programa de Capacitação. Estiveram presentes representantes da Secretaria Municipal de Assistência Social de Ipatinga, Ipaba e Santana do Paraíso, além do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Ipatinga, da Secretaria Municipal de Saúde de Ipatinga, da Secretaria Municipal de Educação de Ipatinga e do procurador do Ministério Público do Trabalho, Adolfo Jacob.  
Além dos representantes das entidades, estavam presentes o Diretor de Negócios do Hospital Márcio Cunha e Unidade de Oncologia, Eduardo Blanski, a gerente jurídico e governança corporativa da FSFX, Carmelita Anicio De Almeida, a Superintendente da Fundação Educacional São Francisco Xavier, Solange Liege dos Santos Prado, o Assessor de Relações Institucionais, José Carlos de Carvalho Galinari, a Superintendente de Gestão de Pessoas da FSFX, Vanessa Junia Vieira Pinto Teixeira e a Gerente de Comunicação e Marketing, Valéria Marcondes dos Santos.
Segundo Carmelita Anicio De Almeida, a ideia do Programa é formar as pessoas em cursos rápidos e desenvolver habilidades específicas, capacitando-as para desempenhar suas funções com eficácia. “Os cursos disponibilizados são de áreas muito demandadas atualmente, então acreditamos que a capacitação dessas pessoas servirá não só para trazê-las para trabalhar na Fundação, como também em outras empresas da nossa região. Por isso, envolvemos as secretarias inclusive das cidades próximas, para termos esse alcance”. 
A Lei de cotas para pessoas com deficiência determina que empresas com 100 empregados ou mais reservem vagas para o segmento. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 45 milhões de pessoas no Brasil possuem algum tipo de deficiência.
De acordo com Adolfo Jacob, promotor do Ministério Público do Trabalho, é uma lei de alcance social enorme, que valoriza o ser humano. “Eu estou muito esperançoso com o Programa. Já atuei em várias localidades, mas só aqui em Ipatinga consegui encontrar uma empresa que esteja disposta a tocar um projeto dessa natureza. Essa iniciativa da Fundação em parceria com o Ministério pode ser uma ideia a ser reproduzida em vários lugares do país e eu acredito que os resultados serão muito bons”.
Com essa iniciativa, a FSFX espera que os resultados do Programa de Capacitação para Pessoas com Deficiência sejam a redução de preconceitos, a construção de ambientes de trabalho mais inclusivos, equitativos e sustentáveis, beneficiando não apenas as PcDs, mas toda a organização e sociedade.
 

Destaques