Ipatinga

famosos

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Laudo do IML diz que ator que morreu com saco na cabeça foi acidental

    Ele foi encontrado sem vida no dia 11 de setembro em seu apartamento

    Por Plox

    23/09/2021 14h59 - Atualizado há 25 dias

    A Polícia Civil de São Paulo concluiu que a morte do ator Luiz Carlos de Araújo foi acidental. O laudo do Instituto Médico Legal (IML) foi divulgado nessa quarta-feira (22). No documento consta que a causa foi por asfixia e uso de drogas.

    Luiz era conhecido por já ter atuado na novela “Carinha de Anjo”, do SBT. Ele morreu no dia 11 de setembro, aos 40 anos de idade. O homem foi encontrado quatro dias depois da morte, quando os amigos do ator começaram a dar falta dele.

     

    Luiz Carlos Araújo — Foto: Reprodução/Instagram

     

    Ele havia deixado de responder várias mensagens e ninguém sabia informar sobre onde ele estava. Então os amigos resolveram acionar a polícia para descobrir o paradeiro de Luiz Carlos. Ao chegar no apartamento do ator, eles acionaram um porteiro para abrir a porta do apartamento e o encontraram já sem vida, deitado em cima da cama e com uma sacola na cabeça.

    Segundo resultado necroscópico, ele teria usado o saco plástico para aliviar uma crise de ansiedade. O método é conhecido por médicos como re-respiração, que tem como objetivo ficar assoprando a sacola até melhorar a crise. Ainda de acordo com o laudo, o saco sobre a cabeça aumentou o teor de dióxido de carbono e reduziu o de oxigênio.     

     

    Foto: Reprodução/ Arquivo Pessoal

     

    Em entrevista ao portal G1, o delegado seccional Centro, Roberto Monteiro, disse que antes da morte ele também usou antidepressivos e cocaína. "Asfixia acidental, causada pelo rebaixamento do nível de consciência. Associada ao confinamento dentro do saco plástico. Usou também cocaína, antidepressivos e álcool", disse em entrevista ao portal.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]