Motorista atropela seis pessoas em ponto de ônibus; cinco da mesma família

24/06/2019 09:53

De acordo com a Polícia Civil, o motorista é um cabo do Exército

Publicidade

Na noite do último domingo, um motorista subiu a calçada com o carro e atropelou seis pessoas em um ponto de ônibus na Via Dutra, em São João de Meriti, na baixada Fluminense-RJ. 

Cinco das seis vítimas são de uma mesma família, que voltava de uma festa. 

O caso mais grave é de uma criança de nove anos, que ficou presa na estrutura do ponto de ônibus. Os médicos do Hospital Geral de Nova Iguaçu estão avaliando se a criança precisará passar por cirurgia.

As vítimas contaram que policiais rodoviários federais realizaram o teste do bafômetro no motorista do carro.

(Foto: reprodução/TV Globo)

(Foto: reprodução/TV Globo)

Segundo informações da Polícia Civil, o motorista, que é um cabo do Exército, prestou socorro às vítimas. O exame do bafômetro deu positivo. Conforme informou o condutor, o pneu estourou e ele acabou perdendo o controle do veículo. Ele foi ouvido e liberado. O caso foi registrado na 54ª DP (Belford Roxo). 

“No ato que a Federal fez o bafômetro, deu 37, se eu não me engano. Trinta e sete ou trinta e pouco de álcool. Bebeu? Não pega no carro. Larga lá onde estava. Aí meu sobrinho tá internado, minha esposa tá saindo da emergência. Um outro rapaz está lá dentro. E aí, como fica a vida dos outros? A vida do povo, a vida da gente não tem mais valor?”, questionou uma das vítimas: Joselito França dos Santos.

“Não foi uma fatalidade. A partir do momento que você bebe e pega a direção do carro, você assume o risco de matar. Não só você, como outras pessoas. Graças a Deus, não teve nenhuma morte. Mas tem uma criança ferida e é uma criança muito querida. A gente não quer que isso fique impune”, relatou Bianca Albuquerque, outra vítima do atropelamento. 



Publicidade